Você está aqui: Página Inicial / importação / noticias / 2018 / 05 / 28 / Dia do Brincar atrai milhares de pessoas à Praça do Parque Infantil

Dia do Brincar atrai milhares de pessoas à Praça do Parque Infantil

Crianças, jovens, adultos e idosos se divertiram em mais de 100 estações à disposição nas vias do parque
 A décima edição do Dia do Brincar realizada no domingo (27) na Praça Major Abel Fortes, a do Parque Infantil, na região central da cidade, atraiu milhares de pessoas. O evento, organizado pelo Fundo Social de Solidariedade, Câmara e Associação Brasileira de Brinquedoteca, contou com apoio de diversas entidades do município.Durante a abertura do evento, o prefeito Edinho elogiou a participação dos voluntários e ressaltou a importância das brincadeiras para a interação entre as pessoas.“Para mim, uma iniciativa que tem um papel fundamental para lutarmos contra a tendência que é a brincadeira e interação apenas via meios tecnológicos. Não que a tecnologia não seja algo bom, mas é importante que não percamos nossa tradição e não nos afastemos da cultura da brincadeira de rua, do lúdico e daquilo que estimula a capacidade de raciocínio e interação humana”, observou.Para o vereador José Carlos Porsani, autor da lei que incluiu o Dia Brincar (comemorado nacionalmente no dia 28 de maio) no Calendário Oficial do Município, a ação colabora para a saúde dos participantes.A presidente do Fundo Social, Cidinha Silva, agradeceu aos voluntários e apoiadores do evento pela alegria e energia proporcionada a milhares de pessoas.A força-tarefa organizada pela Prefeitura teve os parceiros: Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, estudantes das escolas e universidades privadas e públicas, Rotary Club, grupos de escoteiros, Associação Araraquarense de Proteção aos Animais, Grupo Os Intocáveis, secretarias municipais e demais parceiros.AtividadesCrianças, jovens, adultos e idosos se divertiram em mais de 100 estações à disposição nas vias do parque. O resgate das brincadeiras de amarelinha, pula-cordas, futebol de caixão, tênis de mesa, basquete, quebra-cabeças, entre outras.Ações culturais contemplaram a música, o desenho, o teatro, o circo, a pintura e uma variedade de expressões e linguagens.Na área de saúde, a população teve acesso a serviços de aferição da pressão arterial, testes de glicemia, orientações sobre nutrição, estética e atividades físicas.