Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Ferramentas Pessoais

Navegação
Você está aqui: Página Inicial / importação / noticias / 2018 / 09 / 21 / Festival Internacional de Dança encerra com baile e apresentação de mais um grupo paraguaio

Festival Internacional de Dança encerra com baile e apresentação de mais um grupo paraguaio

Neste domingo (23) a Cia. Intermitente (Assunção-Paraguai) apresenta o espetáculo “Donde el Sueno Vive” no Teatro Wallace Leal, às 20 horas
 O último dia do 18º Festival Internacional de Dança de Araraquara será realizado neste domingo e terá encerramento com a Cia. Intermitente, de Assunção-Paraguai, com o espetáculo “Donde el Sueno Vive” no Teatro Wallace Leal, às 20 horas; seguido pelo Baile da Maioridade, que celebra os 18 anos de Festival, na quadra da Casa da Cultura, às 21 horas.Também no domingo continuam os cursos de formação que permeiam toda a programação, com mini-cursos, oficinas e encontros.Docentes, artistas-docentes, arte-educadores e gestores públicos participam das atividades. No domingo acontece o último mini-curso, “Cultura Popular Brasil”, com Denny Neves, um dos participantes da edição de 2017 que mais cativou o público do festival. O baiano realiza o mini-curso das 10 às 14 horas, no CEAR.Depois à tarde, às 17 horas, na Escola Municipal de Dança Iracema Nogueira, será realizada a palestra “Uma vida dedicada ao balé clássico”, com a paraguaia Alejandra Diaz. Na sequência, ainda na EMD, acontece a Mostra das Academias de Dança de Araraquara.Toda a programação é gratuita.Donde el Sueno Vive - Os bailarinos-coreógrafos Nastia Goiburu e Hugo Rojas, com direção artística de Alejandra Diaz, da Cia. Intermitente, apresentam o espetáculo “Donde el Sueno Vive”, onde corpos exalam lembranças e dançam numa noite de lua cheia.Esta obra de arte colaborativa reúne dança, narração, música e elementos do teatro, e nasce da necessidade de refletir sobre o trabalho criativo como um coletivo de artistas em resistência, tentando situar o espaço-tempo onde toda a inspiração (sonhos, medos, natureza ou situações cotidianas) se materializa. Embora intermitentes, o grupo embala sonhos, flui e cria em liberdade.Silêncio, escuridão, devaneio, criação... a palavra convoca, e a música do urutaú é a música que conta. Baile da Maioridade – A fim de comemorar os 18 anos que marcam essa edição do Festival Internacional de Dança de Araraquara, a partir das 21 horas, na quadra da Casa da Cultura, o coletivo Tocaya realiza o Baile da Maioridade, marcando a 6ª edição da Tocaya.A festa, marcada pela presença de DJs, apresenta: pela primeira vez na Tocaya: ZaziLove (Eletro Junǥle); o DJ residente da festa, Micheletti (Tocaya); e a atração internacional Afroraizz Hi-Fi (Venezuela). Muita música boa para dançar, com o lado B da música brasileira.Também: performance com Vita Pereira (Tr4v4d4) e vídeo-projeção de Alexander Lima complementam a programação.Área de alimentação, bar e expositores completam o time que comanda o Baile da Maioridade. Participação de: Alex Rodrigues (pirografia), Amor Retro, Cozinha da Bruxa, Delícias da Miriam, Loja Guapo, Jhe Carvalho, Mary's Candy, Mateus OF, Minhocaria, Quitutes Veganos, Raízes de Gaia, Rastros e Sementes, e Tom Harryson (instrumentos musicais). SERVIÇO:18º Festival Internacional de Dança de AraraquaraData: domingo (23 de setembro)- 10h às 14h: Mini-Curso para docentes, com Denny Neves – Cultura Popular Brasileira e Currículo – CEAR- 17h às 17h30: Palestra - Uma vida dedicada ao balé clássico, com Alejandra Diaz (Assunção-Paraguai) – EMD- 17h30 às 19h: Mostra das Academias de Dança de Araraquara – EMD- 20h – Encerramento “Donde el Sueno Vive”, com Cia. Intermitente(Assunção-Paraguai) - Teatro Wallace- 21h às 24h: Tocaya - Baile da Maioridade (18 anos de Festival Internacional de Dança de Araraquara) - Quadra Casa da Cultura Programação gratuita