Você está aqui: Página Inicial / importação / noticias / 2018 / 11 / 30 / Oficinas Poiesis continuam nesta segunda (dia 03)

Oficinas Poiesis continuam nesta segunda (dia 03)

As oficinas, que têm o apoio da Secretaria Municipal da Cultura e Fundart, vem sendo realizadas na própria Casa da Cultura
 A programação das novas oficinas culturais em Araraquara - realizadas pela Secretaria do Estado de São Paulo/Poiesis – tem continuidade nesta segunda-feira, 03 de dezembro. As inscrições podem ser realizadas na hora da atividade e toda a programação é gratuita.São três propostas: Artes Plásticas/Arte Urbana, Circo e Gestão Cultural. As atividades seguem o seguinte cronograma: Oficina de Artes Plásticas/Arte Urbana, nos dias 05 e 07/12 (quarta e sexta, das 14h às 18h); Oficina de Circo, nos dias 03 e 04 (segunda e terça, das 14 às 18h) e Oficina de Gestão Cultural/Projetos  nos dias 06 e 08 (quinta, das 18 às 22h e sábado, das 9 às 13h).Vale destacar que nesta semana (dia 28), foi realizada a oficina de Roteiros para curtas, com Camila Tarifa.As oficinas, que têm o apoio da Secretaria Municipal da Cultura e Fundart,  vem sendo realizadas na própria Casa da Cultura, localizada à Rua São Bento, 909, no Centro. Conheça mais as propostas: – Oficina de Artes Plásticas/Arte Urbana, com Lívia Dotto Martucci (20 vagas)Quarta (05) e sexta-feira (07), das 14h às 18hIndicação: maiores de 16 anosA oficina contribui para que todos possam ver, refletir, fazer e contextualizar a expressão visual urbana do lambe lambe nos âmbitos municipais, regionais, estaduais, federais e internacionais, institucionalizadas ou não, ressaltando as possibilidades de formatação de projetos culturais. Com coordenação da artista, educadora e produtora Lívia Dotto Martucci. Graduada em Artes Visuais pela UEL, especialista em arte-educação e gestão pública, já atuou em instituições públicas e privadas com produção artística e cultural. Foi membro do Colegiado Setorial de Artes Visuais do Conselho Nacional de Políticas Culturais e presidente do Conselho Municipal de Cultura de São Carlos. Atuante em diversos projetos culturais nas cidades de Araraquara, Ribeirão Preto, Campinas, São Carlos e Londrina. Tem ampla atuação pela qualidade do ensino das Artes nas escolas e em espaços não formais, além de produzir ações coletivas e comunitárias na área da cultura para a primeira infância. Lívia é membro do Circuito Grude desde 2018. – Oficina de Iniciação ao Circo, com Ricardo Fruque (20 vagas)Segunda (03) e terça-feira (04), das 14h às 18hIndicação: maiores de 16 anosIniciação às técnicas circenses: malabares (diabolô e bolinha), equilíbrio (perna de pau e rola rola) e acrobacia de solo. O objetivo é, através dessa vivência, despertar nos participantes a possibilidade de utilização de técnicas circenses para cenas em seus próprios espetáculos. Com Ricardo Fruque, ator e circense formado pela Escola Nacional de Circo nas modalidades: trapézio, corda marinha, corda indiana, passeio aéreo, acrobacia, tecido fasoli, pirofagia, malabares, perna de pau e monociclo.Fruque trabalhou no Europa Park na Alemanha de 1998 a 2005, em diversas áreas e segmentos, desde o trabalho de rua entretendo os visitantes até grandes espetáculos nos teatros, como Globe Theatre, Comic Show, Arena Show e French Bühne. No Brasil participou de vários cursos e atualmente dirige o grupo Estação do Circo, em São Carlos. – Oficina de Elaboração, Planejamento e Gestão de Projetos Culturais, com Gustavo Dalla Déa (30 vagas)Quinta (06), das 18h às 22h; e sábado (08), das 9h às 13hPúblico: Gestores culturais, produtores culturais, artistas, conselheiros de cultura, pesquisadores e interessados em geral. Indicação: maiores de 18 anos Esta oficina busca oferecer ao participante a prática dos conceitos que norteiam a Elaboração, o Planejamento e a Gestão de Projetos na área da Cultura.  Gustavo Dalla Déa é ator e gestor cultural. Atuou no Núcleo de Teatro Gira-Sol, foi professor e coordenador de Curso Técnico Ator do Senac, professor concursado de artes cênicas na Fundação Educacional São Carlos, dirigiu Grupos de Teatro de jovens, adultos e Terceira Idade no SESC e oficinas de artes cênicas da Secretaria de Estado da Cultura. Na área de gestão atuou na gerência de desenvolvimento sócio cultural do SESI, é especialista em gestão de projetos e empreendimentos criativos pelo Ministério da Cultura, através da Secretaria da Economia Criativa e SENAC/DF, Analista de Desenvolvimento da IDéa_Desenvolvimento Social, Coordenador da área de Projetos Culturais da Fundação Raphael Montoro Araraquara/SP, Gestor do Centro Cultural Gino de Biasi Filho, Parecerista de Projetos do Ministério da Cultura e atualmente está como Diretor de Turismo e Cultura do Município de Interesse Turístico de Uchoa/SP.