Você está aqui: Página Inicial / importação / noticias / 2018 / 12 / 05 / Prefeitura investirá R$ 2,7 milhões em drenagem na região da Chácara Flora e do Parque Planalto

Prefeitura investirá R$ 2,7 milhões em drenagem na região da Chácara Flora e do Parque Planalto

Recursos correspondem somente à primeira etapa do trabalho, já que quase R$ 1 milhão também será investido em pavimentação; obras atendem deliberação do OP
Atendendo deliberação da população no Orçamento Participativo (OP), o prefeito Edinho assinou no sábado (1º), em evento na Associação da Justiça de Araraquara, a ordem de serviço para drenagem e pavimentação de vias da região da Chácara Flora e do Parque Planalto. 

Na primeira etapa, a Prefeitura irá investir, com recursos próprios, R$ 2,7 milhões em drenagem na Avenida Antônio Carvalho Neto (a partir Rua José Barbieri Neto) até a Rua Pedro Arroyo, totalizando 2 km, e na Avenida Clarice Caratti Pagliarini (a partir da Rua Pedro Arroyo) até a Rua Darvis Bassi, em trecho de 3,3 km — os dois trechos somam 5,3 km.

Após a drenagem, que deve ser concluída em seis meses, cerca de R$ 1 milhão será investido em pavimentação por meio de convênio federal. A Prefeitura aguarda a autorização da Caixa Econômica Federal para receber R$ 987,6 mil em emenda do deputado federal Nilto Tatto (PT). O Executivo terá contrapartida de R$ 10,4 mil.

As vias do Parque Planalto também receberão obras de drenagem e pavimentação. Na implantação de galerias de águas pluviais no bairro está previsto o investimento de R$ 1,3 milhão. Já na pavimentação, a previsão é de R$ 2 milhões aplicados nas ruas do Parque Planalto.

As obras foram uma demanda apresentada na Região 10 do OP, eleita como prioridade no ano passado e neste ano. As vias contempladas foram definidas por meio de reuniões com representantes do local, conforme indicação dos moradores.

Participação

“Essa é a maior obra de infraestrutura do meu governo pelo valor e pela dimensão. No OP aparece tudo aquilo que é demanda reprimida da cidade. A minha função é correr atrás para executar o que vocês dizem que é importante. Mas não é só votar: vocês precisam acompanhar a execução”, afirmou Edinho.

“O OP não é uma ficção. É realidade. Estamos resolvendo um problema de décadas”, complementou o prefeito, lembrando que as regiões da Chácara Flora e do Parque Planalto precisam de atenção em relação ao meio ambiente, já que ficam próximos à nascente do Ribeirão das Cruzes.

O coordenador de Obras e Serviços Públicos, José Antenor Corrêa da Silva, destacou que a obra é essencial. “Hoje [sábado] é uma data importante. Será uma grande obra que irá captar toda essa água pluvial e, depois, realizar a pavimentação”, declarou.

A secretária de Planejamento e Participação Popular, Maria José Scárdua, relatou que a participação da sociedade é fundamental em uma gestão. “Contem com a secretaria para a gente continuar dialogando. Vamos construir mais e mais coisas para a cidade”, disse a secretária.

O vereador Toninho do Mel (PT), que representou a Câmara Municipal, parabenizou o prefeito pela iniciativa e a população pela escolha. “A região precisava muito dessa obra. Nosso prefeito está preocupado com a cidade e, por isso, retomou o OP”, comentou.

Dois moradores falaram em nome dos bairros da região. Juliana Gouveia, presidente da Associação de Moradores da Chácara Flora, lembrou que a área é de preservação ambiental e merece cuidado especial. “Contamos com a influência do prefeito para conseguir verbas estadual e federal para concluir as obras”, disse.

Rodrigo Galli, representando os moradores do Parque Planalto, também comemorou a assinatura da ordem de serviço. “Esta solenidade representa mais uma vitória. O OP é realmente democrático e a participação dos nossos moradores foi fundamental”, destacou o morador.

Ainda estiveram no evento o vereador Paulo Landim (PT), o representante da J. Nassif Engenharia (responsável pela obra), Luiz Carlos de Oliveira Girardi, além de outros secretários, coordenadores e assessores municipais e a equipe do Orçamento Participativo.