Você está aqui: Página Inicial / importação / noticias / 2018 / 12 / 20 / Secretaria de Gestão e Finanças apresenta balanço sobre 2018

Secretaria de Gestão e Finanças apresenta balanço sobre 2018

Juliana Agatte também destaca revisão de valores em contratos da Prefeitura com fornecedores e número de adesões ao PDV

A secretária municipal de Gestão e Finanças, Juliana Agatte, destacou na quarta-feira (19), no programa ‘Canal Direto com a Prefeitura’, a importância da maior aproximação da administração com os servidores, propostas pelo prefeito Edinho.

 Num balanço das ações de sua pasta em 2018, Juliana destacou também a revisão de valores de alguns contratos com fornecedores da Prefeitura, feita pela equipe da Gerência de Licitação e Contratos.

 Leia na sequência os principais tópicos do balanço.

 Servidores: “A relação com os servidores municipais é uma prioridade. Por isso, houve a proposta de reestruturação do setor de RH (Recursos Humanos) e maior aproximação com o Sesmt (Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho). Entendemos para que um serviço público seja melhor oferecido à população é necessário que os servidores e as servidores estejam motivados.

 Aproveito para fazer um agradecimento público aos servidores que sabem da importância que é servir bem ao público e por isso vestem a camisa da Prefeitura pelo melhor atendimento. Ainda há muito por fazer nessa relação, por conta das diversas demandas, mas algumas iniciativas que tiveram início em 2017 foram implementadas este ano.

 Os convênios firmados com o SESC e a Universidade Brasil também são muito importantes, já que as mensalidades são bem reduzidas, oferecendo a oportunidade para o acesso dos servidores a alguns cursos, inclusive com extensão a familiares.

Outras ações

 Tivemos a retomada do Plano de Saúde (agora São Francisco) com subsídios de acordo com a faixa salarial do servidor e o informativo, via internet, do ‘Boletim do Servidor’ também busca aproximar a administração com os servidores.

 E a retomada das discussões sobre o PCCV (Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos), além da formação do Comitê de Gestor Democrático, com debates diretos entre o prefeito Edinho e os servidores a partir das comissões. A proposta de aproximação inclui fortalecer a relação também com o Sismar, porque achamos importante as discussões que o Sindicato dos Servidores Municipais nos traz na condição de representante da categoria.

 Revisão de contratos: A gente está procurando cada vez mais reestruturar a área de gestão de contratos com fornecedores da Prefeitura. Com isso, conseguimos rever valores de contratos que herdamos da administração anterior e alguns atuais, com reduções significativas em valores financeiros. Tudo por méritos da equipe da Gerência de Licitação e Contratos.

 Há outros avanços, como a descentralização da gestão. Mas a gente sabe que é preciso avançar mais, já que na administração pública é preciso trabalhar com padrões, normativas e prazos.

 PDV: Houve 463 adesões voluntárias ao PDV (Plano de Demissão Voluntária), metade delas de servidores aposentados. Importante destacar que o PDV é um projeto legítimo e a avaliação interna sobre o número de adesões é positiva. Não foi um processo fácil de realizar, mas acabou atendendo as expectativas. Um agradecimento especial aos que decidiram aderir, porque são pessoas que, em alguns casos, dedicaram de 30 a 40 anos de suas vidas como servidores ou servidoras. Por isso, estão registradas na história de prestação de serviços no município”.