Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2019 / Abril / 17 / DAAE realiza dinâmicas voltadas ao combate de queimadas urbanas

Urbano

DAAE realiza dinâmicas voltadas ao combate de queimadas urbanas

Alunos receberam um panfleto educativo contendo informações sobre a prevenção e combate às queimadas urbanas e telefones úteis para denúncias
57358156_2126986847350194_6794943174885244928_n.jpg

 

 


O Departamento Autônomo de Água e Esgoto (Daae), por meio da Gerência de Gestão Ambiental e Sustentabilidade/Unidade de Educação Ambiental, iniciou, nesta semana, dinâmicas ambientais voltadas à Prevenção e Combate as Queimadas Urbanas.

A dinâmica ambiental realizada “Queimadas: causas e consequências” adaptada do Guia de Atividades de Educação Ambiental do Estado de São Paulo (2013), foram realizadas com os alunos do 8ºA da Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Professora Olga Ferreira Campos, Escola Estadual Professora Ergília Micelli e com os alunos do 9º ano da Escola Sesi, nos dias 15, 16 e 17 de abril.

Com a atividade, os alunos aprenderam sobre os impactos ambientais ocasionados pelas queimadas como poluição atmosférica, morte da fauna e da flora, destruição da microbiota do solo, compactação do solo, erosão, assoreamento e favorecimento de acidentes de trânsito. “Outro tema abordado foram os agravos à saúde, gerados pelas queimadas: bronquite, asma, conjuntivite, tosse, dor de cabeça e, até mesmo, o câncer”, disse Valtr Iost, coordenador de Educação Ambiental.

Após a atividade, os alunos foram orientados a prevenir as queimadas urbanas. “Foram orientados a manter os terrenos sem lixo, roçados e gradeados, evitar a negligência como jogar bituca de cigarros e objetos refletores, como espelhos e vidros em terrenos, bem como, não queimar em hipótese alguma, além de orientar e denunciar as pessoas que queimam”, orientou Iost.

Os alunos receberam um panfleto educativo contendo informações sobre a prevenção e combate às queimadas urbanas e telefones úteis para denúncias (Daae, Polícia Ambiental e Cetesb).

“A Educação Ambiental é uma das ferramentas de transformação que podem contribuir com a mudança de atitudes das pessoas, ajudando na preservação ambiental e, consequentemente, com a melhoria da qualidade de vida da população”, concluiu o coordenador.

registrado em: ,