Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2019 / Fevereiro / 22 / Regiões do Carmo e do São José recebem mutirão contra a dengue neste sábado (23)

Saúde

Regiões do Carmo e do São José recebem mutirão contra a dengue neste sábado (23)

Retirada de materiais inservíveis das residências, para evitar possíveis criadouros, será das 8h às 12h; mutirão seria na semana passada, mas foi adiado devido a chuvas
foto02 Mutirão contra a dengue retirou 22 toneladas de materiais inservíveis na região da Vila Xavier 02fev19 Celso Luís Gallo.jpg


O mutirão contra a dengue continua neste sábado (23), das 8h às 12h. Desta vez, as equipes da Vigilância Epidemiológica estarão nas regiões do Carmo e do São José. Esses locais estavam previstos para serem visitados no último sábado (16), mas aquele mutirão precisou ser adiado devido a chuvas.

Os moradores dos bairros Jardim Tamoio, Carmo, Jardim Nova América, São José, Jardim Santa Lúcia, Jardim dos Ipês, Quitandinha, Vila Progresso, Vila Bela Vista, Chácara Califórnia, Jardim Santa Mônica, Morumbi e Santana devem deixar, antes do horário previsto para o mutirão, todo material que acumula água e que pode ser descartado. Isso inclui bacias, pias, baldes, latas de tinta, vasos, latões e garrafas.

Esta será a terceira edição do mutirão. Na primeira, na Vila Xavier, foram 22 toneladas de materiais inservíveis recolhidos, enquanto 24 toneladas foram recolhidas na região do Parque São Paulo.

A Secretaria de Saúde destaca que a participação da população é essencial no combate aos criadouros do mosquito Aedes aegypti, que transmite a dengue, já que cerca de 80% dos criadouros estão dentro das residências.

Em números atualizados na segunda-feira (18), Araraquara chegou a 1.668 casos confirmados de dengue em 2019.

Novo polo de atendimento
Em parceria com a Santa Casa, a Prefeitura instala na segunda-feira (25) o segundo Polo de Atendimento direcionado a pessoas com suspeita de dengue. O novo Polo atenderá na Rua Voluntários da Pátria (Rua 5), nº 2310, no Centro. O atendimento será diário, inclusive sábados e domingos, das 7h às 20h.

O primeiro Polo de Atendimento à dengue, que funciona no Cear (Centro de Eventos de Araraquara e Região), todos os dias, das 7h às 17h, foi instalado no último dia 4 de fevereiro.

A secretaria também ampliou o horário de funcionamento dos postos de saúde do Jardim Paulistano, Jardim América, Jardim Iguatemi e Selmi Dei I, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 19h, e aos sábados, das 13h às 19h, para atender melhor os casos suspeitos de dengue.

Procedimento
A secretária de Saúde, Eliana Honain, explica que nos sintomas mais clássicos de dengue, como dores de cabeça, náuseas, cansaço e manchas avermelhadas pelo corpo, é importante a pessoa procurar primeiro o Polo de Atendimento ou algum posto de saúde da cidade.

“Somente quando o sintoma é agravado por dor abdominal intensa e sangramento nas gengivas ou narinas é que se deve procurar uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento)”, reforça.

O exame que detecta se a pessoa está realmente com dengue é realizado somente após o quinto ou sexto dia do surgimento dos sintomas. A disponibilidade inicial no atendimento é pelo hemograma, que irá detectar o perfil da doença no organismo humano para se decidir qual melhor medida terapêutica deve ser tomada.

registrado em: ,