Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2019 / Julho / 15 / Vigilância recolhe mais 8,2 toneladas de inservíveis em arrastão

Saúde

Vigilância recolhe mais 8,2 toneladas de inservíveis em arrastão

Ação foi feita em bairros da grande Vila Xavier; em quatro arrastões, quase 34 toneladas já foram retiradas dos quintais e terrenos baldios daquela região
_DSC0653.JPG

 

O arrastão contra a dengue realizado no último sábado (13), na região da Grande Vila Xavier, recolheu quase 8,2 toneladas de material inservível. A ação foi coordenada pela Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal da Saúde, das 8 às 12 horas, nos bairros Jardim Silvânia, Parque Gramado, Jardim Terezinha, Jardim Brasil, Vila Vieira, Chácara Floresta II e Jardim América.  

Divididas em 10 equipes, os agentes de vetores, com o apoio de servidores do Centralizado, Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos, Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae) percorreram ruas e avenidas dos bairros, adentrando em quintais e terrenos baldios para fazer uma varredura e retirar lixo e objetos inservíveis que poderiam servir de criadouros de larvas do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue.

De acordo com balanço divulgado nesta segunda-feira (15), Araraquara tem 15.257 casos confirmados de dengue em 2019, sendo que 1.571 foram descartados e 373, inconclusivos. Diante da significativa redução dos números de novos casos no município, os agentes se dedicam ao trabalho de atualização de fichas que ainda aguardam registro no sistema.

Em quatro arrastões realizados em junho e julho na região da Grande Vila Xavier, quase 34 toneladas de inservíveis foram retiradas dos quintais de residências e terrenos baldios. Durante a abordagem, os moradores também recebem orientações sobre os cuidados necessários para prevenir a proliferação de larvas do mosquito. Além desse trabalho intensivo que vem sendo feito nas manhãs de sábado, os agentes continuam realizando diariamente os bloqueios casa a casa com aplicação de larvicida e nebulização.    

A colaboração da população é fundamental. As equipes de agentes de endemias estão devidamente uniformizadas com crachá de identificação.

Denúncias de imóveis abandonados também podem ser realizadas pelo telefone da Ouvidoria da Vigilância Epidemiológica pelo 0800-774-0440 ou através do Whatsapp da Prefeitura – (16) 99760-1190. Moradores que não permanecem em casa para receber as equipes podem agendar uma visita pelo telefone da ouvidoria.

registrado em: ,