Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2019 / Setembro / 03 / Daae inicia recuperação da Represa do Lajeado

Obras

Daae inicia recuperação da Represa do Lajeado

Obra consiste na retirada da vegetação aquática do tipo aguapé, que cobria um percentual estimado em mais de 90% do espelho d’água
69720769_2357807400934803_1671609655379361792_n.jpg

O Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae), por meio de empresa contratada, deu início à obra de revitalização da Represa do Córrego do Lajeado, localizada na Rodovia Nelson Barbieri (Araraquara-Gavião Peixoto), no Portal das Laranjeiras.

A obra consiste na retirada da vegetação aquática do tipo aguapé, que cobria um percentual estimado em mais de 90% do espelho d’água. Apesar de não ter finalidade de abastecimento público, a represa tem uma grande importância para os pequenos agricultores locais, tanto no aspecto econômico (uso para irrigação, dessedentação de animais e pesca), quanto social (ponto histórico de recreação e lazer).

Segundo estudo realizado em parceria com a USP de São Carlos, a principal causa da contaminação do corpo hídrico é a alteração do uso do solo, que associado a fatores climáticos e eventual lançamento de elementos químicos, tornaram a água um ambiente favorável ao desenvolvimento em excesso dessa vegetação.

“Infelizmente, algumas empresas não estão tratando devidamente seus resíduos e estão jogando na represa. Os aguapés destroem todo ser vivo aqui existente. Por meio do Daae, vamos fazer a recuperação desse patrimônio ambiental tão importante para o município Araraquara”, afirmou o prefeito Edinho, que esteve acompanhando a obra na última sexta (30/08), junto com o superintendente do Daae, Donizete Simioni.

De acordo com a diretora de Gestão Ambiental do Daae, Katia Matteo, a superpopulação de aguapés pode provocar a redução do oxigênio dissolvido na água, o bloqueio de incidência de luz solar no ambiente aquático e, consequentemente, a redução e até extinção da microflora do local, além de dificultar a manutenção da fauna aquática.

O Córrego do Lajeado pertence à Bacia Hidrográfica dos Rios Tietê-Jacaré e à Sub-bacia do Ribeirão das Cruzes. Para que as causas da vegetação aquática não se repitam, todo curso d’água está sendo monitorado.

Na obra foram investidos R$ 347 mil provenientes de recursos do Fundo Municipal de Desenvolvimento Ambiental. A previsão é que o local seja totalmente recuperado até o final de 2019.

 

registrado em: ,