Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2020 / Janeiro / 08 / Primeira praça sustentável será inaugurada ainda em janeiro

Urbano

Primeira praça sustentável será inaugurada ainda em janeiro

O projeto desenvolvido pelo Daae tem como conceito a sustentabilidade, a partir da reutilização de materiais descartados na Estação de Tratamento de Resíduos Sólidos
81467791_2615031218545752_4347154103583899648_o.jpg

 

 

Localizada na confluência da rua Maria Marchi Vissali com a avenida Alberto Gomieiro, no Jardim Universal, a primeira praça sustentável, construída pelo Daae, está em fase de finalização.

O projeto, desenvolvido pela diretoria de Gestão Ambiental, tem como conceito a sustentabilidade, a partir da reutilização de materiais descartados na Estação de Tratamento de Resíduos Sólidos (ETRS) e do emprego de mão de obra própria, gerando custo zero à autarquia.

“Toda a concepção e execução do projeto foi diferenciada, uma vez que envolveu o trabalho voluntário de diversos servidores do Daae, que têm trabalhado até aos finais de semana para produzir os bancos, as lixeiras, as floreiras, entre outros equipamentos, tudo com o reaproveitamento de materiais. Essa praça é uma união de esforços entre as diretorias e gerências do Daae”, afirmou a diretora de Gestão Ambiental, Kátia Matteo.

A implantação da praça teve início em novembro, a partir de uma demanda dos moradores do bairro. Desde então, já foram realizados a demarcação das vias, a pavimentação em volta da praça feita com concreto e reutilização de resíduos da construção civil e a confecção do mobiliário que inclui cinco bancos feitos com madeira de demolição, cinco lixeiras e três floreiras produzidas com a reutilização de tubos antigos.

O local também contará com um design diferenciado, como canteiros em diversos formatos, uma escultura e arbustos que formarão uma gota no centro da praça, como forma de tributo aos 50 anos do Daae completados em junho do ano passado.
Na parte de jardinagem, já foram plantadas cinco mudas de ipês (dois amarelos, dois brancos e um roxo) e uma de pau-ferro. Agora, as equipes estão finalizando a pavimentação e a delimitação dos canteiros com corpos de prova descartados por construtoras. Os próximos passos serão o plantio de grama esmeralda, arbustos e a implantação de todo o mobiliário.

“Vamos contar com a colaboração dos moradores para a conservação do local, que tem previsão de ser inaugurado até o fim de janeiro”, finalizou Katia Matteo.

 

registrado em: ,