Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2020 / Junho / 17 / Boletim Diário do Comitê de Contingência do Coronavírus – nº 94 – 17 de junho de 2020

Saúde

Boletim Diário do Comitê de Contingência do Coronavírus – nº 94 – 17 de junho de 2020

boletim 17.jpg

 

 

 

O Comitê de Contingência do Coronavírus Araraquara, instituído por Decreto Municipal, se reuniu nesta quarta-feira, dia 17 de junho, para novas deliberações sobre as medidas de combate à transmissão da Covid-19.

 

Começou a vigorar o decreto municipal que prorrogou a quarentena para dia 30 de junho e reduziu para quatro horas diárias o atendimento presencial dos setores econômicos não essenciais.

 

O decreto foi publicado nos Atos Oficiais do Município do dia 16 de junho e nele constam todas as mudanças de normas que terão que ser adotadas nos diferentes setores econômicos, após a divulgação da segunda etapa do Plano São Paulo, elaborado pelo Governo do Estado.

 

A região de Araraquara passou para a fase 2 (laranja). Dessa forma, comércio de rua e setor de serviços passam a cumprir o horário de atendimento das 12h às 16h, de segunda a sexta, e aos sábados, das 10h às 14h, com obrigatoriedade de desinfecção total do estabelecimento antes e depois da abertura ao público.

 

Shoppings centers seguem a regra geral do comércio, mas possuem alternativa de horário de funcionamento presencial dos estabelecimentos: entre as 12h e às 16h ou entre as 16h e as 20h (fica a critério do lojista).

 

Bares, restaurantes e lanchonetes não poderão atender presencialmente no período noturno. Serão apenas quatro horas diárias, contínuas ou não, com o horário limite das 19h de segunda a sábado e das 16h aos domingos.

 

Neste caso, assim como os salões de beleza e academias, as normas de funcionamento estão mais rigorosas e o cumprimento dessas normas está com a fiscalização intensificada.

 

Já em relação aos postos de combustível, atendendo a um pedido da própria categoria, o funcionamento volta a ser de segunda a sábado, inclusive feriados, das 7h às 19h, com fechamento aos domingos. Postos em rodovias não têm restrições de horários.

 

O atendimento por delivery e por drive thru está liberado sem qualquer restrição de horário tanto para o comércio quanto para bares, restaurantes e lanchonetes. Os novos horários se referem apenas ao atendimento presencial.

 

Os estabelecimentos devem afixar na entrada a informação do horário de atendimento presencial, do número máximo de pessoas permitido (que consta em anexo no decreto) e dos telefones para atendimento remoto.

 

As demais regras de higienização e distanciamento social entre os clientes seguem as determinações do decreto anterior, como uso obrigatório de máscaras, mesas separadas por dois metros de distância, fornecimento de álcool gel, controle de filas, controle de fluxo de pessoas no interior do estabelecimento, entre outras medidas.

 

O Comitê continua com estudos permanentes sobre o avanço dos casos de Coronavírus e acompanhamento da ocupação dos leitos de UTI na cidade e região é diário. Havendo necessidade, todas as normas poderão ser revistas.

 

E apesar da mudança no atendimento presencial no comércio, o atendimento presencial da população na Prefeitura está mantido, mas somente com agendamento prévio.

São seis horas de atendimento ao público, com três horas pela manhã (das 9h30 às 12h30), uma hora de intervalo para desinfecção e três horas à tarde (das 13h30 às 16h30).

A Prefeitura adequou os espaços do Paço Municipal para garantir que as normas de prevenção da transmissão do coronavírus sejam cumpridas. É obrigatório o uso de máscaras e, além disso, os funcionários também estão equipados com a máscara face shield (que protege todo o rosto).

Antes de entrar no prédio, a pessoa com o atendimento agendado tem a temperatura corporal verificada, recebe álcool em gel para higiene das mãos e passa por uma câmara de desinfecção, que foi disponibilizada em parceria com a empresa Aero Cosmetic.

O espaçamento entre os agendamentos vem evitando com eficiência a aglomeração de pessoas.

 

Todos os canais para que o munícipe agende atendimento no Paço Municipal, Daae, Subprefeitura da Vila Xavier e  Subprocuradoria Geral Fiscal e Tributária estão no site da Prefeitura.

 

A orientação é que idosos e outras pessoas no grupo de risco para complicações da Covid-19, como pessoas com doenças autoimunes, não procurem o atendimento presencial, mas indiquem algum familiar em seu lugar.

Se possível, a população deve continuar respeitando o isolamento social e preferir o atendimento online pelo site da Prefeitura e pelo site do Daae.

 

SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA

 

Araraquara registrou mais 26 casos confirmados de Coronavírus nesta quarta-feira, dia 17 de junho. Portanto, o município possui hoje 635 casos notificados da doença. Aguardam resultado de exames 100 amostras. Do total, 173 permanecem em quarentena e 455 já saíram.

 

Hoje, 27 pacientes estão internados. Destes, 15 estão em enfermaria – 3 suspeitos e 12 casos confirmados. E 12 pacientes estão internados em UTI – 2 suspeitos e 10 confirmados.  Do total de 27 internados, 25 são moradores de Araraquara e 2 são de outros municípios e foram transferidos para hospitais da cidade. Foram notificados, até o momento, 7 óbitos confirmados decorrentes de Coronavírus. Não há caso suspeito de óbito na cidade.

 

Destacamos que os casos suspeitos e confirmados, assim como seus comunicantes, estão sendo monitorados pela Secretaria Municipal da Saúde. O objetivo é orientar e cobrar o cumprimento da quarentena. Todos os dados e estatísticas sobre os bairros com casos confirmados podem ser consultados em link disponibilizado pela Prefeitura, em parceria com o grupo Urbie, Grupo de Inovação e Extensão em Engenharia Urbana.

(https://arcg.is/neO5H)

 

As informações oficiais sobre o enfrentamento do Coronavírus no município estão no site www.araraquara.sp.gov.br e nas redes sociais da Prefeitura – Instagram e Facebook.

 

registrado em: , ,