Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2020 / Março / 02 / DAAE participa da audiência de prestação de contas do 3º quadrimestre de 2019

Urbano

DAAE participa da audiência de prestação de contas do 3º quadrimestre de 2019

Entre outros itens, foram apresentados investimentos, arrecadação e despesas da autarquia
89242704_2730004100381796_717472130723217408_o.jpg

 

 

Na noite da última quinta-feira (28), o superintendente do Daae, Donizete Simioni, e o gerente de Finanças da autarquia, Ronaldo Venturi, participaram de audiência pública de prestação de contas referentes ao 3º quadrimestre de 2019, realizada no plenário da Câmara Municipal. A cerimônia foi conduzida pelo presidente da Comissão de Justiça, Legislação e Redação, o vereador Paulo Landim, com a participação do 1° secretário, o vereador Lucas Grecco.

De acordo com a lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), os órgãos de administração pública direta e indireta, devem demonstrar e avaliar o cumprimento das metas fiscais de cada quadrimestre, anualmente, nos meses de maio, setembro e fevereiro.

Em 2019, o Daae arrecadou R$ 135,8 milhões decorrentes, principalmente, da prestação de serviços de abastecimento de água, tratamento de esgotos e coleta de resíduos sólidos. As despesas do ano totalizaram R$ 151,4 milhões, sendo as mais expressivas com pessoal e serviços de terceiros (energia elétrica, coleta e disposição final de resíduos). A diferença entre arrecadação e despesas foi coberta pelo superávit financeiro do exercício de 2018.

Em relação à situação financeira, o Daae fechou o exercício com R$ 535 mil de superávit financeiro de recursos próprios, sendo que o saldo em caixa terminou o ano com R$ 14,4 milhões, distribuídos em: R$ 8,7 milhões de recursos próprios; R$ 2,9 milhões do Fundo Municipal de Saneamento Básico; R$ 1,4 milhões do Fundo de Desenvolvimento Ambiental; R$ 502 mil de operações de créditos; R$ 497 mil de transferências estaduais; R$ 240 mil do Fundo Social e R$ 170 mil de recursos de caução depositados para garantias de contratos.

Foram apresentados ainda os investimentos empenhados, que totalizaram R$ 21,2 milhões, o que representou 14% do orçamento da autarquia. “Investimos na garantia de abastecimento de água, principalmente na região norte que sofreu muito com a falta d’água em 2017. Investimentos também na troca de redes e ramais das regiões mais antigas do município, na recuperação da eficiência do tratamento de esgotos e na implantação de políticas públicas na área ambiental”, afirmou Simioni.

A audiência contou ainda com a presença dos diretores do Daae, José Braz Scognamiglio (Técnico-Operacional) e Ada Salmazo (Administrativa-Financeira) e dos gerentes Fernando Lourencetti (Planejamento Estratégico), Sônia Fonseca Cassoli (Comunicação e Eventos), Alexandre Pierri (Controle de Perdas e Eficiência Energética), Eduardo Sampaio (Suprimentos) e José Luiz Cunha (Tecnologia da Informação).

 

registrado em: ,