Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2020 / OUTUBRO / 26 / Mutirão de combate à dengue coleta 20 toneladas de lixo no final de semana

Notícias

Mutirão de combate à dengue coleta 20 toneladas de lixo no final de semana

Trabalho da Vigilância em Saúde e do Daae foi realizado no Altos de Pinheiros e no Córrego do Tanquinho; mutirão prossegue terça (27) e quarta (28) na Vila Biagioni e no Jardim das Estações
foto01 Apoiadores de combate à dengue realizam mutirão no bairro Altos de Pinheiros 23out20 Tetê Viviani.jpg

 

 

 


Os mutirões de combate à dengue da Vigilância em Saúde e do Daae (Departamento Autônomo de Água e Esgotos) coletaram 20 toneladas de materiais inservíveis e lixo no final de semana, dentro da programação da “Semana Lixo Zero”.

Na região do Jardim Altos de Pinheiros, sexta-feira (23), sábado (24) e nesta segunda (26), os agentes da Vigilância em Saúde coletaram quase 19 toneladas (18.990 kg) de materiais que foram separados pelos moradores e colocados na calçada para recolhimento.

No domingo (25) pela manhã, Prefeitura, Daae, Instituto Paz e Bem, projeto Parque Vivo, Can.U.Do Produtos Sustentáveis e Grupo Escoteiro Morada do Sol participaram de um mutirão de limpeza no Córrego do Tanquinho, na região do Selmi Dei, onde foram coletados mais 1.090 kg (1,09 tonelada).

Os mutirões continuam nesta terça (27) e nesta quarta-feira (28) em ruas e avenidas da Vila Biagioni e do Jardim das Estações (veja os locais ao final do texto). O objetivo é o recolhimento de materiais que podem se tornar criadouros do Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, da chikungunya e do zika vírus.

A população dessas regiões deve colocar na calçada garrafas, pneus, latas, baldes, embalagens e tudo que possa acumular água e se tornar um criadouro. O mutirão será das 8h às 12h e, portanto, os materiais devem ser separados e colocados na calçada antes desse horário.

Depois também está agendado mutirão de combate à dengue na região da Vila Xavier (dias 29/10 e 03/11). Essas ações da Vigilância em Saúde irão prosseguir até o verão, período chuvoso e com maior risco para o acúmulo de água parada.

Os mutirões também integram a “Semana Lixo Zero”, que vai até 1º de novembro com mobilização do Instituto Lixo Zero Brasil e realização de embaixadores Lixo Zero, ONGs, institutos, instituições públicas, projetos, coletivos, grupos, empresas e ativistas ambientais em todo o País.

A programação aborda os sete “Rs” da sustentabilidade: repensar, reduzir, reutilizar, reaproveitar, reciclar, recusar produtos que agridem o meio ambiente e recuperar.

Confira as ruas e avenidas dos mutirões (das 8h às 12h):

Terça-feira (27/10) – Vila Biagioni: Av. Estrada de Ferro, Rua Rogério Baptista Cruz, Rua Pastor Antônio da Silva Cortes, Av. Francisco Vaz Filho, Av. Serafim Simioni, Av. Luiz Miguel, Av. Daisy Cardoso, Av. Ninin Gomes de Freitas, Av. Leila Cortes dos Santos, Av. Antonio Baldassari, Av. Maria Aparecida Machado Gonçalez, Av. Maria Luiza Baschim, Rua Benedito Máximo de Araújo, Rua João Silveira, Rua Sebastião Lemos da Cruz e Rua José Alves de Souza Góes.

Quarta-feira (28/10) – Jardim das Estações: Av. Eng. Edmundo Busch Varella, Rua Pastor Antônio da Silva Cortes, Av. Augusto de Campos, Av. Dr. Milton Fonseca, Rua Nicolau Jorge Lauand, Rua Irmão Gregório J. A. Campos, Av. Dr. Frederico Meller, Av. Dr. Abeylard Netto Amarante, Av. Armando Biagioni, Av. Jorge Haddad, Av. Alpheu Rodrigues Schiavon, Av. Manoel Marques de Jesus, Av. Adelaide Ferraz de Carvalho, Av. Joaquim Rodrigues dos Santos, Av. José Roberto Fabiano, Rua Rubens Alves de Oliveira, Rua José Figueira da Silva, Rua Epaminondas Franca, Rua Edgar Pinto Machado, Rua Eng. Agrim. Nivaldo Leite, Rua Antonio Rodrigues de Carvalho, Rua Ismael de Araújo e Rua Eduardo Prada.

registrado em: