Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2021 / OUTUBRO / 04 / Híbrido Etanol: Físico do IPEN vê "semente plantada" em Araraquara

Urbano

Híbrido Etanol: Físico do IPEN vê "semente plantada" em Araraquara

Um dos palestrantes do evento desta quarta, Dr. Fabio Coral Fonseca aponta que debate pode gerar impactos positivos no futuro
Dr Fabio Coral Fonseca.jpg

 

 

 



Um debate que visa definir novos rumos na busca de um futuro sustentável. É dessa forma que o Dr. Fabio Coral Fonseca, tecnologista sênior do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN) e gerente do Centro de Células a Combustível e Hidrogênio (CECCO), avalia o evento "Híbrido Etanol: O Motor do Futuro - Uma agenda de desenvolvimento, emprego e sustentabilidade". O encontro será realizado nesta quarta-feira, 6 de outubro, às 9 horas, com transmissão ao vivo pelo site motordofuturo.com.br e compartilhamento nas redes sociais da Prefeitura de Araraquara.

O físico é um dos palestrantes que integram o ciclo de debates que contará com a participação de pesquisadores, universidades, representantes das entidades dos trabalhadores, direção da Volkswagen e da Toyota, além de representantes da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) e outras instituições.

Ele se mostra animado com a oportunidade de aprofundar publicamente o assunto que é tema de suas pesquisas. "Trabalhamos há 20 anos com células a combustível e trabalhamos também há 20 anos tentando utilizar o etanol como combustível desses dispositivos geradores de energia. Temos bastante satisfação em ver esse tema de pesquisa nossa evoluindo e sendo tão evidente agora em que a sociedade moderna começa de fato a agir um pouco mais em relação aos problemas de energia limpa, aos desafios futuros de termos uma economia mais limpa e um futuro mais sustentável", aponta.

O pesquisador acrescenta que o evento vem para fortalecer o segmento de pesquisas iniciado há duas décadas e que visa atender as exigências de promover uma mobilidade que não afete o meio ambiente. "Em um evento como esse, podemos discutir em alto nível direcionamentos que plantam uma semente e acabam tendo um impacto futuro importante para a cidade, para a nossa sociedade. Da mesma forma que o Brasil investiu há 20 anos para começarmos a aprender a fazer esse tipo de dispositivo, esse tipo de evento é uma continuidade disso. É importante para tentarmos, de fato, chegar e atingir um impacto positivo na sociedade", completa.

Vale destacar que o Dr. Fabio Coral Fonseca possui um currículo conceituado para fortalecer a troca de informações sobre o assunto proposto no encontro. Bacharel em Física pela Universidade de São Paulo (USP) em 1993, ele obteve doutorado pela USP (2001), após estágio sanduíche na Université Lille 1 (França). Foi bolsista FAPESP de pós-doutorado no Forschungszentrum Jülich, Alemanha (2008). Desde 2005 é bolsista de produtividade do CNPq. É tecnologista sênior do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN) e gerente do Centro de Células a Combustível e Hidrogênio (CECCO) desde 2013. Tem experiência na área de Ciência de Materiais com ênfase em eletrocerâmicas, atuando principalmente na pesquisa e desenvolvimento de materiais para células a combustível. É pesquisador principal e coordena a divisão de pesquisa do Centro de Inovação em Novas Energias (CPE Fapesp-Shell).

Divisão em painéis

O evento desta quarta-feira foi dividido em três painéis, que abordarão assuntos, previsões e propostas relativas ao tema. O Painel 1, marcado para as 9h30, apresenta a proposta "Carro híbrido a etanol (desafios e oportunidades da academia ao mercado)", enquanto o Painel 2, às 10h30, leva o tema "Carro híbrido: Um conceito sustentável - Carro elétrico é mesmo sustentável?" e o Painel 3, às 11h30, tem o assunto "O novo ciclo do etanol: Qual o caminho para o etanol se consolidar como principal fonte sustentável de energia para o futuro?".
 
Os convidados

A mediação do Painel 1 será de Wagner Firmino de Santana (presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC) e os convidados são Pablo Di Si (presidente e CEO da Volkswagen Região SAM - América do Sul, América Central e Caribe), Dr. Alessandro Pansanato Rizzato (diretor do IPT Open Experience no Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo - IPT) e Dr. Fabio Coral Fonseca.

O Dr. Rodrigo Fernando Costa Marques (do Instituto de Química da UNESP/Araraquara) fará a mediação do Painel 2, que contará com os palestrantes: Rafael Chang (presidente da Toyota do Brasil), Dr. Pedro Teixeira Lacava (professor associado do Instituto Tecnológico de Aeronáutica-ITA e um dos coordenadores do Laboratório de Combustão, Propulsão e Energia-LCPE) e Wellington Messias Damasceno (diretor administrativo do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC - SMABC).

Já o Painel 3 terá mediação de Erick Pereira da Silva (presidente da FEM-CUT/SP) e os convidados são o Dr. Eduardo Leão de Sousa (diretor executivo da União da Indústria de Cana-de-Açúcar - UNICA), a Dra. Laís Forti Thomaz (da Universidade Federal de Goiás-UFG, Faculdade de Ciências Sociais) e Edinho Silva (prefeito de Araraquara, graduado em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista-UNESP de Araraquara e mestre em Engenharia de Produção na Universidade Federal de São Carlos-UFSCar).

A organização do encontro será da Prefeitura de Araraquara e a realização, além da própria Prefeitura, conta também com o CEAR, a Federação dos Sindicatos de Metalúrgicos da CUT-SP (FEM-CUT/SP) e o Instituto de Química da Unesp Araraquara (CEMPEQC). O evento tem o apoio da EPTV, Cidade On Araraquara, G1, CBN Araraquara, Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Consórcio de Municípios da Região Central do Estado de São Paulo, Volkswagen, Toyota, UNICA e Posto Fiel.

 

 

registrado em: ,