NOTÍCIAS

Voltar

Assistência Social enumera série de ações ao longo de 2017

22 de dezembro de 2017


Um ano de muitas realizações e de participação da comunidade, principalmente em prol de pessoas ou famílias em situação de vulnerabilidade social em Araraquara.

 

A afirmação é da secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Eloisa Mortatti, sobre as ações da sua pasta em 2017, que fez um balanço das ações, na quarta-feira (20), no programa ‘Canal Direto com a Prefeitura’ da TV Web Participativa, via página oficial do Facebook da Prefeitura de Araraquara.

Eloisa destacou o projeto ‘Novos Caminhos’, desenvolvido desde o início do ano junto com as entidades São Pio, Sacrário do Amor e Grupo Viva, que também atuam com pessoas em situação de rua no município.

Com a proposta de acolhimento ou de retomada com o vínculo familiar, o Centro POP fez em 2017 cerca de 1.600 atendimentos, incluindo as que vêm de outras cidades, os chamados itinerantes, ou ‘trecheiros’, de acordo com a secretária.

 Também a Casa Transitória também realizou em ano 1.700 atendimento nas mesmas condições do Centro POP, além de outros 13 moradores fixos na Casa porque perderam totalmente o contato com familiares.

 Em ambos os locais, os acolhidos são atendidos com banho, alimentação e pernoite e, além do atendimento psicossocial, os ‘trecheiros’ recebem passagens para seguirem seus destinos, segundo Eloisa.

Valorização

A secretária também enumerou as quatro Conferências Municipais realizadas pela pasta este ano – a de Assistência Social, das Pessoas em Situação de Rua, dos Idosos, e a da Segurança Alimentar e Nutricional.

 “Foram todas conferências de muita participação e debates, que junto com as pré-conferências municipais, aprovaram várias propostas para implementação nos próximos anos em Araraquara”, resumiu Eloisa.

Ela ainda ressaltou as ações da Coordenadoria de Segurança Alimentar, que ao longo do ano debateu a importância da alimentação saudável e ofereceu várias oficinas à população, com a possibilidade de geração de mais emprego e renda.

Mortatti também ressaltou o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), que via governo federal permite à Prefeitura a compra de hortifrutis de assentados e pequenos produtores rurais, estimulando e valorizando a Agricultura Familiar.

Outra ação importante deste ano foi o trabalho de combate ao trabalho infantil que, em junho, buscou conscientizar a população sobre as crianças em situação de trabalho infantil.

“Muitas vezes, essas crianças e adolescentes comercializam produtos à noite pela cidade, comandadas por adultos, ao invés de estarem com as famílias ou frequentando a rede escolar”.

Eloisa ainda destacou a proposta do governo Edinho pela retomada do programa ‘Frentes da Cidadania’, que também busca a formação das pessoas por meio do programa Educação para Jovens e Adultos (EJA), de ensino fundamental.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis