NOTÍCIAS

Voltar

Assistência Social mostra balanço de ações em oito meses

25 de setembro de 2017


Um balanço dos primeiros oito meses da Coordenaria de Segurança Alimentar e Nutricional, ligada à Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, mostra o número de ações realizadas pelo setor em Araraquara.

De janeiro a agosto, foram adquiridos pela Prefeitura 78.113 quilos de hortifrutis, via PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) e arrecadados para doação 62.483,8 quilos. No total, foram doados 133.166,2 quilos de alimentos para 276 entidades cadastradas.

Os números apontam que nesse mesmo período foram atendidas, através dessas entidades, 15.326 pessoas em situação de vulnerabilidade social no município.

O balanço ainda mostra que em oitos meses foram servidas 18.735 refeições no Restaurante Popular I, em frente ao Centralizado da Prefeitura; 15.408 refeições no Restaurante Popular II, no 8º Distrito Industrial; e 211.200 no Restaurante Bom Prato, na Avenida 22 de Agosto, região central.

Ainda de janeiro a agosto, a Coordenaria de Segurança Alimentar e Nutricional contabilizou 50 encontros, incluindo a realização de cursos e oficinas que capacitaram 875 pessoas de diversos bairros da cidade.

 

Outros setores

Já o balanço dos outros setores da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social aponta que de janeiro a agosto deste ano as ações contemplaram 80 bairros em Araraquara.

Conforme os números, foram realizados 10.505 atendimentos nos Cras – Centros de Referência da Assistência Social, recepcionadas 4.357 pessoas, visitadas outras 2.918 e passaram pelo Cadastramento Único, 2.293.

Com relação à Proteção Social, em oito meses os registros apontam 3.139 atendimentos, 1.144 visitas domiciliares e 595 casos de remissão de IPTU.

O Creas – Centro Especializado de Assistência Social – registrou 2.031 atendimentos e 764 visitas domiciliares. No Centro Dia do Idoso, foram 886 atendimentos.

O mesmo balanço ainda mostra que 1.334 pessoas foram atendidas pelo Centro Pop, e, em oito meses, fornecidas 4.125 refeições.

O Serviço de Acolhimento às Crianças e Adolescentes (Promaip) foram 687 atendimentos. Na Casa Transitória, foram computados 4.785 atendimentos e 10.911 refeições fornecidas.

 

Ações afirmativas

Para a secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Eloisa Velosa Mortatti, os números do balanço mostram a importância dos trabalhos realizados até agora pela Pasta na cidade.

“São ações necessárias, direcionadas às pessoas ou famílias que carecem de atendimento”, resume Eloisa.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis