NOTÍCIAS

Voltar

Confira as atrações culturais do fim de semana

8 de junho de 2018


 

  • Sexta – 08/06

Um projeto diferente no campo das artes chega à programação do Território da Arte de Araraquara a partir de setxa-feira: é o “Diário do busão: visitas escolares a instituições artísticas”, do artista e pesquisador Diogo de Moraes. A exposição será na Casa da Cultura Luís Antonio Martinez Corrêa, e permanece em cartaz até o dia 06 de julho para visitação.

O conteúdo vem do contato do artista com estudantes da rede pública de ensino, durante visitas a instituições de arte na cidade de São Paulo. Diogo de Moraes se “infiltra” em ônibus que conduzem turmas de estudantes até instituições de arte.

As “laudas” do Diário em exposição no Território da Arte de Araraquara mostram parte da pesquisa de Diogo, realizada durante o acompanhamento de sete diferentes visitas. Na Casa da Cultura estará exposta parte desse material – a saber, as visitas ao Instituto Tomie Ohtake, à 32ª Bienal de São Paulo, ao MIS – Museu da Imagem e do Som e à Pinacoteca do Estado de São Paulo. Vale destacar que o horário de visitação da exposição é de segunda à sexta-feira, das 9h30 às 21h; e aos sábados, das 9 às 13h30.

E sexta é dia daquela roda de samba! Às 21h, na Praça das Bandeiras, tem SambaZinho. É só colar na praça e curtir os clássicos do samba.

 

  • Sábado – 09/06

Tem uma super baladinha no sábado: tem a festa Tocaya, integrando a programação do Território da Arte de Araraquara. E o melhor: esta edição vem com horário flexível: vai começar às 20h e se estender até além da meia-noite.

Mas atenção: a festeenha rola na área externa do Teatro Wallace Leal… não vai marcar e ir em outro lugar, hein? Uma programação bem massa vai abalar o sabadão, com os DJs: Wisley Luiz, Micheletti (DJ residente) e o venezuelano Afroraizz Hi-Fi. É Música brasileira para além da MPB!

Do rural ao urbanóide, do sertão ao metrô, da raiz ao sintético, da África à América Latina, do típico ao excêntrico. Vai ter samba, coco, carimbó, baião, manguebeat, samba-rock, tropicalismo, vanguardas, funk-soul, jazz, hip-hop, disco, tudo junto, misturado, rebolado e bem bolado.

De quebra, ainda tem a super Isabella Rudge detonando em um live painting. E claro: vai rolar um barzinho e uma área de alimentação com culinária artesanal. Então vc já sabe: hoje tem música, pista de dança, céu aberto, mesas e cadeiras, bar e área de alimentação… e tem lua também! Borá se jogar?

 

  • Domingo – 10/06

O Choro das Águas destaca, neste domingo, o talento musical de Marcos Volpe e Nalini. A programação tem início com a Feira de Artesanato e as atividades recreativas infantis, às 16h. Depois, às 17h30, Marcos Volpe e Nalini trazem um repertório com MPB e também alguns hits internacionais. E olha que bacana: juntos com a banda  Falso Brilhante, Marcos Volpe e Nalini tem na bagagem mais de 4 mil apresentações.

 

E tem também pop rock no finzinho deste domingo: a partir das 19 horas, na Praça da Bandeira, tem o som de Cristiano Aguiar e, depois do show, ainda rola o Cultural GameZinho, um jogo com testes de conhecimento e muita diversão. Só chegar!

 

  • Segunda – 11/06

Na segunda-feira começam as “Oficinas de Gravura”, com Cláudio Caropreso, do Ateliê da Gráfica Ordinária, na Casa da Cultura. A programação faz parte do Território da Arte de Araraquara e segue até o dia 13/06, quarta. Na segunda e na quarta, dias 11 e 13, as oficinas acontecem das 9h às 12h; e na terça, dia 12 é à noite, às 19h. Inscrições abertas na Casa da Cultura, pelo fone 3333-1159.

O arquiteto Cláudio Caropreso iniciou sua pesquisa com xilogravura no ano de 1998. Para a oficina, os inscritos poderão conhecer mais osbre xilogravura, passando por alguns processos como processo de decupagem, colagem, desenho, escultura da matriz e impressão.

O projeto do Território da Arte de Araraquara, “Diário do busão: visitas escolares a instituições artísticas” é tema de uma palestra na segunda-feira, com o artista e pesquisador Diogo de Moraes. É às 15h30 na Casa da Cultura. Um programa imperdível para educadores, arte-educadores, professores, artistas e profissionais que lidam com jovens.

“Diário do busão” é uma exposição que está na Casa da Cultura Luís Antonio Martinez Corrêa, e permanece em cartaz até o dia 06 de julho para visitação. O seu conteúdo vem do contato do artista com estudantes da rede pública do ensino, durante visitas a instituições de arte na cidade de São Paulo. Diogo de Moraes se “infiltra” em ônibus que conduzem turmas de estudantes da rede pública até instituições de arte, por ocasião das visitas agendadas e mediadas às suas exposições. Na palestra, Diogo abordará os principais aspectos e critérios de sua investigação.

 

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis