NOTÍCIAS

Voltar

Daae realiza perfuração de poço no Jardim Universal

6 de janeiro de 2017


Com investimentos de R$ 1,8 milhão, o Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae) iniciou as obras de perfuração do poço de captação de água Paiol II, no Jardim Universal. O prazo para conclusão da obra é de 45 dias, de acordo com a autarquia.

 

O prefeito Edinho vistoriou os serviços nesta sexta-feira acompanhado do superintendente anunciado do Daae, Wellington Cyro de Almeida Leite, dos diretores José Braz Scognamiglio (técnico e operacional) e Marcos Isidoro (administrativo e financeiro) e dos técnicos da autarquia. O vereador do PT, Toninho do Mel, também esteve presente.

 

Segundo o prefeito, com a perfuração do Poço Paiol II, o abastecimento de água que é feito pela ETA (Estação de Tratamento de Água) Paiol nessa região poderá ser destinado à região norte da cidade, solucionando provisoriamente a falta de água nas proximidades do Selmi Dei, que nos últimos anos teve um forte adensamento populacional devido aos novos conjuntos habitacionais. “Normalizar o abastecimento de água no município é prioridade. É uma medida emergencial que ameniza o sofrimento daquela população até que possamos construir um poço naquela região”, enfatizou Edinho.

 

De acordo com Cyro, neste setor de abastecimento há um reservatório em fase de implantação, com capacidade para armazenar um milhão de litros que, brevemente, entrará em operação, reforçando a distribuição da água nesta área.

 

Estação de Tratamento de Esgoto

 

O prefeito Edinho Silva e diretores da Daae também realizaram uma visita técnica à Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), na área rural da zona oeste, próxima a rodovia SP 255. A equipe conferiu as alas administrativas, a chegada do esgoto à Estação, os serviços de separação do resíduo sólido (tratamento preliminar), a lagoa de aeração e as lagoas de sedimentação, onde ocorrem a deposição do lodo. Em decorrência da falta de manutenção, do excesso de lodo e da queima dos aeradores, a eficiência do tratamento do esgoto foi reduzida a 60%.

 

 

“Vamos trabalhar muito para recuperar a eficiência do tratamento do esgoto. A cidade de Araraquara sempre foi exemplo nessa prestação de serviços, sendo uma das primeiras cidades do Brasil a tratar o esgoto”, disse o prefeito.

 

O anunciado diretor de Operações, Braz Scognamiglio, informou que o planejamento irá debater a eficiência dos equipamentos da estação, e analisar as melhores propostas para operação do sistema. “O projeto de recuperação deverá estar pronto dentro de seis meses”, projetou Scognamiglio.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis