NOTÍCIAS

Voltar

Dança: têm espetáculo e oficina gratuitos nesta quinta-feira

28 de novembro de 2017


A Cia. Entre Nós, de Franca, é atração nesta quinta-feira no Teatro Wallace Leal Valentin Rodrigues, com o espetáculo de dança “Nós – ou ninguém podia ouvir os olhos dela”, que traz para a cena o tema da violência contra a mulher. A apresentação acontece às 20 horas, com entrada gratuita. Antes, às 15 horas, haverá uma oficina destina às mulheres na Casa da Cultura Luís Antonio Martinez Corrêa.

Livremente inspirado em casos reais e também em obras de artistas como Suzanne Lacy, Leslie Labowitz, NanGoldin, Dione Carlos e Nina Simone, o espetáculo “Nós – ou ninguém podia ouvir os olhos dela” é a primeira produção da Cia Entre Nós.

Com atuação de Daniela Rosa, Larissa Baq, Renata Prado, Rafael Bougleux, Wendel Dima e direção de Fernando Gimenes, o espetáculo evoca a todo tempo a cumplicidade do espectador, mostrando como não sabemos reagir à violência doméstica cotidiana das relações amorosas.

Um casal ouve jazz enquanto vivencia um processo artístico de investigação sobre a violência contra a mulher. Uma mulher e um homem, em estados de afeto e colisão, dançam para que seus corpos revelem os limites de uma relação.

A violência doméstica contra a mulher, neste trabalho, é uma denúncia e não um julgamento. É o ponto de partida e não de chegada. O espetáculo circulará por dez cidades do Estado de São Paulo com o apoio do Governo do Estado de São Paulo, da Secretaria da Cultura e do Proac – Programa de Ação Cultural. Em Araraquara tem o apoio da Secretaria Municpal da Cultura e Fundart.

Os ingressos para a apresentação, que tem classificação indicativa para 16 anos, são gratuitos e serão distribuídos no próprio teatro, uma hora antes da apresentação. O Teatro Wallace Leal Valentin Rodrigues está localizado à Av. Espanha, 485, no Centro de Araraquara.

Oficina – Também na quinta, a Cia. Entre Nós realiza uma oficina para mulheres, às 15 horas, na Casa da Cultura Luís Antonio Martinez Corrêa, com a oficineira Gisela Durval. A oficina “A tênue relação entre o amor e a realidade: o corpo como”, com 12 vagas, é dirigida a maiores de 16 anos e a inscrição pode ser efetuada meia hora antes da atividade.

A proposta da oficina vem ao encontro das expectativas de, concomitantemente, compreender a relação postural com o estado emocional, subjugado pelas drásticas ameaças a um corpo esquecido diante de um espelho operante: a agressão física e/ou psicológica da mulher moderna.

“Muitas vezes, a visão imaginária que se tem de si, dos outros, da vida, absolutamente não correspondem à realidade. É preciso que possamos permitir a existência efetiva de que o ‘corpo existe’ e é vivo em toda sua extensão. A fluência do movimento é controlada quando o sentido dele toma um rumo para dentro, que se inicia nas terminações das extremidades”, alertam os bailarinos da Cia. Entre Nós.

É indicado que as participantes usem roupa confortável para movimentação e evite calças jeans e saias, já que inibem a movimentação descompromissada.

SERVIÇO:

“Nós – ou ninguém podia ouvir os olhos dela”, com Cia. Entre Nós (dança)

Local: Teatro Wallace Leal Valentin Rodrigues (Av. Espanha, 485 – Centro)

Data: quinta-feira (30 de novembro)

Entrada gratuita – retirar ingressos com uma hora de antecedência

Classificação indicativa: 16 anos

* Oficina para mulheres “A tênue relação entre o amor e a realidade: o corpo como”: às 15h, na Casa da Cultura – inscrições meia hora antes da atividade

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis