NOTÍCIAS

Voltar

Economia criativa e solidária oferece alternativas para produção

14 de julho de 2017


Em entrevista ao Canal Direto com a Prefeitura, nessa sexta-feira (14), Reynaldo Sorbille, coordenador executivo de Trabalho e Economia Criativa e Solidária (órgão da Secretaria Municipal do Trabalho e do Desenvolvimento Econômico), explicou as vantagens dessa forma de atividade produtiva.

De acordo com Reynaldo, embora venha dos primórdios da civilização, notadamente a partir da 1ª Revolução Industrial (no final do século VII, na Inglaterra), hoje a economia criativa e solidária engloba cooperativas e associações, além de outros empreendimentos coletivos.

“Este conjunto de atividades que envolvem produção, consumo, comercialização e finanças, por exemplo, tem como característica a produção coletiva entre trabalhadores associados, ao contrário de uma empresa normal”, explica o coordenador.

Em relação específica ao termo economia solidária, significa que todos os trabalhadores envolvidos no mesmo processo de produção devem crescer ou evoluir em conjunto objetivando melhorar a qualidade de vida, inclusive do ponto de vista intelectual.

Ainda segundo Reynaldo Sorbille, a economia criativa e solidária também elimina problemas normalmente encontrados por um empreendedor comum, que precisa cuidar e superar sozinho todas as etapas da montagem de uma empresa.

Já a cooperativa vislumbra maior possibilidade de êxito, uma vez que oferece oportunidade de trabalho até para o jovem inexperiente, que normalmente encontra dificuldades para conseguir o primeiro emprego.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis