NOTÍCIAS

Voltar

“Economia Solidária deve ser central nas políticas públicas”, afirma Edinho

21 de novembro de 2017


O prefeito Edinho, vice-presidente de Economia Solidária da FNP (Frente Nacional de Prefeitos), participou da mesa de abertura da Plenária Estadual de Economia Solidária, na sede da Prefeitura de São Carlos, na noite de sexta-feira (17) — o evento se estendeu até o domingo (19).

 Organizada pelo Fórum Paulista de Economia Solidária, a plenária reuniu representantes da Economia Solidária de todo o Estado, especialmente dos 12 Fóruns Regionais (que atuam em 67 municípios).

 Edinho defendeu que o tema tenha papel central nas políticas públicas. “A Economia Solidária tem que ser prioridade no orçamento municipal e preparar todas as outras políticas públicas. Ela não é só instrumento para combater o desemprego”, destacou.

 O prefeito ainda ressaltou a necessidade de se pensar em novas relações econômicas e sociais e o papel da participação popular, lembrando da organização da Conferência Municipal de Economia Solidária e Criativa em Araraquara. “É uma forma de nós formularmos nossas políticas públicas de forma coletiva.”

 Participaram da mesa de abertura do evento o prefeito de São Carlos, Airton Garcia (PSB); o vereador Dr. Chico Loco (PSB), que representou a Câmara local; o secretário de Trabalho, Emprego e Renda de São Carlos, Walcinyr Bragatto; José Eduardo de Araújo, representando o Departamento Municipal de Economia Solidária de São Carlos; Ladislau Dowbor, economista e professor da PUC (Pontifícia Universidade Católica); e a professora Maria Lúcia Teixeira Machado, vice-coordenadora do NuMI-EcoSol (Núcleo Multidisciplinar Integrado de Estudos, Formação e Intervenção em Economia Solidária da UFSCar).

 Ainda integraram a mesa Digenir Chaves Fugazza e Cândida Maria dos Santos, do Conselho Municipal de Economia Solidária de São Carlos; Yolanda Rodriguez, do Fórum Paulista de Economia Solidária; Robson Grizili, do Fórum Brasileiro de Economia Solidária; e Dijanane Martins, presidente da Unisol São Paulo.

 O coordenador municipal do Trabalho e de Economia Criativa e Solidária, Reynaldo Sorbille, além de moradores do Assentamento Monte Alegre e do Residencial Valle Verde, representaram Araraquara na plenária.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis