NOTÍCIAS

Voltar

Edinho representa Araraquara em evento da OIT

18 de outubro de 2017


O prefeito Edinho, vice-presidente de Economia Solidária da FNP (Frente Nacional de Prefeitos), irá ministrar uma palestra no 4º Fórum Mundial de Desenvolvimento Econômico Local (4th World Forum of Local Economic Development), organizado pela OIT (Organização Internacional do Trabalho), em Praia, Cabo Verde, nesta quarta-feira (18). O evento começou na terça-feira (17) e vai até a sexta (20).

Edinho irá participar da mesa temática com o tema “Potencial da Economia Social e Solidária para reinvestir valor no bem-estar local e criar trabalho decente”. A mesa será moderada pelo italiano Gianluca Salvatori, da Euricse (European Research Institute on Cooperative and Social Enterprises, o Instituto Europeu de Pesquisa sobre Empresas Cooperativas e Sociais).

Também farão parte do debate a ministra de Educação, Família e Inclusão Social de Cabo Verde, Maritza Rosabal; o diretor geral de Políticas Ativas para o Emprego do Governo de Andaluzia (Espanha), Rafael Moreno Segura; o governador da região de Adrar (Mauritânia), Cheikh Abdallahi Ewah; e o diretor da OIT (Organização Internacional do Trabalho) em Dakar (Senegal), François Murangira.

Nesta terça, Edinho esteve no evento de abertura do Fórum. “Sinto-me honrado por ser o único prefeito brasileiro a estar participando e ‘tendo voz’ no evento da OIT. Fico muito feliz pela oportunidade de estar falando como prefeito de Araraquara em um evento como esse, de reconhecimento internacional. Durante todo o dia, pude fazer vários contatos que, certamente, vão ter desdobramentos em parcerias”, afirma o prefeito de Araraquara.

O objetivo do encontro é facilitar o diálogo e promover trocas de experiências sobre desenvolvimento econômico local entre várias lideranças envolvidas nesse tema, além de permitir a construção da “Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável”, que integra os pilares social, econômico e ambiental. Todos os custos de viagem, hospedagem e alimentação estão sendo pagos pela organização do evento.

 

Edinho ainda escreveu um artigo sobre a Economia Solidária que foi publicado na revista oficial do evento, distribuída a todos os participantes — cerca de 2 mil pessoas são esperadas.

Segundo o prefeito, o desemprego, resultante de mudanças no sistema produtivo, tem exigido um novo papel da economia solidária, “atribuindo-lhe centralidade estratégica não só como alternativa à geração de trabalho e renda, mas também na concepção do desenvolvimento local e regional”.

No texto, Edinho apresenta Araraquara aos líderes de todo o mundo: detalhes de sua população, segmentos de destaque na economia e as políticas públicas desenvolvidas por sua gestão, como a participação popular e o incentivo à Economia Solidária e Criativa, com a realização da conferência municipal e a elaboração do plano municipal do tema.

O prefeito reforça a necessidade de a Economia Solidária ser “central no desenvolvimento das políticas públicas”, com seu “controle social e integração e transversalidade com as demais políticas públicas”.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis