NOTÍCIAS

Voltar

Encenação da Paixão de Cristo: voluntários fazem últimos ensaios

12 de abril de 2017


 

“Sentir a presença do espírito de Deus”, esse é a grande força que incentiva a funcionária pública municipal, Aline F. O. Soldan, a participar da encenação da trajetória da vida pública de Jesus Cristo, na Sexta-Feira Santa, 14 de abril, às 19h30, na Arena da Fonte Luminosa.

 

Aline e o marido participam pelo segundo ano consecutivo: ele soldado, e ela do povo. A ideia de fazer parte do espetáculo – esse ano em sua 36ª edição – veio do marido que, tocado, participou pela primeira vez em 2016 e este ano está de volta. “A gente se sente realizado, pois é uma evangelização. As pessoas – assim como meu marido – sentem-se tocadas pela encenação e conhecem mais da nossa própria história”, aponta Aline, lembrando que o espetáculo este ano enfoca a história do povo hebreu, ou seja, a nossa própria história de salvação.

 

Os ensaios acontecem durante a Quaresma, aos domingos, na quadra da APAE (somente na Semana Santa são realizados ensaios na Arena). Aproximadamente 200 pessoas – entre crianças, jovens, adultos e terceira idade, católicos e evangélicos – se dividem em dois grupos: adultos e crianças. “Os ensaios são para entrar no propósito de evangelização da encenação, e o grupo das crianças tem muitas coreografias”, lembra Aline. “É muito bonito saber que praticamente ninguém ali é ator, mas que todos se emocionam quando pisam no campo para a encenação. É porque sentimos o espírito de Deus presente e isso emociona”.

 

Para ela não há nada de complicado nos ensaios e tudo é muito empolgante, pois é uma oportunidade de conhecer outras pessoas. “Ao invés de ficarmos vendo TV em casa no domingo, nós vamos para o ensaio. É muito bom, é como se fossemos uma família grande e, por isso, a gente se sente acolhida”, revela a agente administrativo.

 

E a oportunidade de conhecer pessoas realmente fez valer para Aline: ano passado, ela e o marido conheceram outro casal e a amizade foi levada adiante. “Nós fomos padrinhos de casamento do casal que conhecemos o ano passado na encenação e, este ano, batizamos a filhinha deles”, conta.

 

Vale lembrar que a encenação – desenvolvida para o formato de teatro de arena – apresenta passagens marcantes das Sagradas Escrituras, reunindo em um só número: História, Arte e Cidadania. Entre as novidades da edição estão as vozes inéditas na sonoplastia. “Além disso, novos atos, como a história de Abraão e o nascimento do povo hebreu; a libertação deste mesmo povo pela missão dada a Moisés; o domínio de Roma e a opressão do Rei Herodes, já à época de Jesus, assim como outras passagens inéditas dos feitos e milagres do Messias marcam esta edição com um espetáculo 100% inédito”, revela Cacá Esteves, diretor de Comunicação e Relações Públicas da ENSA.

 

A encenação da Paixão de Cristo faz parte das homenagens aos 200 anos de Araraquara e este ano chega a sua 36ª edição em Araraquara, com o trabalho realizado pela ENSA (Encenação Nossa Senhora Aparecida), sob direção teatral de Lúcia Krepski e apoio da Prefeitura de Araraquara.

 

A entrada é um quilo de alimento não perecível. A diretoria almeja a colaboração do público para que várias instituições assistenciais sejam beneficiadas com a arrecadação. É solicitada a doação de: arroz, feijão, macarrão, óleo e enlatados, além de outros alimentos. Pede-se que não sejam doados sal e açúcar.

 

SERVIÇO:

“36ª Encenação da Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo”

Local: Arena da Fonte Luminosa (Rua Mauro Pinheiro, 150)

Data: 19 de abril (sexta-feira)

Horário: 19h30

Ingresso: um quilo de alimento (arroz, feijão ou óleo)

 

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis