NOTÍCIAS

Voltar

Museu Vivo: nesta quarta (04) na Praça Pedro de Toledo

3 de outubro de 2017


Nesta quarta-feira (04), às 19h30, no Museu Histórico e Pedagógico Voluntários da Pátria, no centro da cidade, tem mais uma edição do projeto Museu Vivo. O evento propõe uma noite bastante agradável para a família araraquarense, com intervenção e narração de histórias para adultos e crianças. Toda a programação é gratuita.

A ideia do Museu Vivo – projeto da Secretaria Municipal da Cultura e Fundart – é oferecer um espaço de convivência para adultos e crianças, com atividades culturais que possibilitem a integração e a troca entre os participantes.

O projeto busca garantir o diferencial no dia a dia dos museus, expandindo o espaço museológico para além da exposição fixa, tornando-o um espaço de convivência e experiências no que toca à memória e preservação patrimonial, difundindo o seu conteúdo e democratizando o acesso à história.

 

Programação – Nesta edição, o Museu Vivo apresenta a intervenção “Sobre brilhos e graxas”, na qual o escritor e ator Zé Guilherme interpreta o engraxate Tomé e propõe um encontro de narração de histórias, para que elas continuem a viver no imaginário dos ouvintes.

Em suas andanças o engraxate Tomé está a procura do brilho das coisas e das pessoas. Entre uma graxa e outra conta causos que viveu e testemunhou, cumprindo, para além de lustrador de sapatos, o seu ofício de propagador de histórias.

A novidade é que, apesar de classificação etária livre, este encontro é voltado, principalmente, para o público adulto e idoso, ao invés de crianças como é costume de eventos deste tipo.

Na apresentação do núcleo Menino Andante, a sonorização ao vivo é realizada por Gustavo Velludo que faz de seu violão uma opção narrativa que complementa a oralidade.

As histórias integram a coletânea de contos homônima, editada pela Camaleão Cultural, disponível para leitura no site meninoandante.com. Para o dia 04 de outubro, as histórias selecionadas foram “O Curió Mozart”, “O Carroceirinho e o Bananeiro” e “A Rinha”.

Também, a atriz Maria Alice Ferreira realiza uma monitoria lúdica, com uma personagem especialmente criada para o evento. Uma velhinha simpática e antenada que, ao meio dos velhos telefones do museu, se comunicará com emails e mensagens eletrônicas com diversas amigas, a fim de manter preservados os bens culturais e patrimoniais do município.

As crianças poderão observar que é através dos mais velhos – de coisas ou de pessoas – que a história se perpetua. A ideia é alertar para a importância do respeito aos mais velhos, valorizando o conhecimento transmitido por eles, assim como suas histórias e, claro, abordar a história de alguns objetos do museu.

O Museu Histórico Voluntários da Pátria está localizado na Praça Pedro de Toledo, no Centro de Araraquara.

 

SERVIÇO:

“Museu Vivo” – com Zé Guilherme (intervenção cênica) e Maria Alice Ferreira (monitoria lúdica)

Local: Museu Histórico Voluntários da Pátria (Praça Pedro de Toledo, s/n° – Centro)

Data: quarta-feira (04 de outubro)

Horário: 19h30

Grátis

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis