NOTÍCIAS

Voltar

No ano do bicentenário, cidade ganha acervo digitalizado

30 de agosto de 2017


A coordenadora Executiva de Acervos e Patrimônio Histórico da Prefeitura, Fabiana Virgílio, explicou nessa quarta-feira (30) a importância da digitalização do processo sobre a morte dos Britos e das primeiras Atas da Câmara Municipal de Araraquara.

A entrega dos dois documentos será feita pelo prefeito Edinho às 09h30 da manhã desta quinta-feira (31), no Arquivo Público Histórico Rodolpho Telarolli, localizado na Casa da Cultura Luís Antonio Martinez Corrêa, no centro.

Em entrevista ao ‘Canal Direto com a Prefeitura’, Fabiana Virgílio afirmou que esses novos serviços que Araraquara entrega à população ao completar 200 anos facilitarão o acesso a acervos que marcam a história do município.

“A partir da digitalização, será possível pesquisar o crime dos Britos, que está completando 120 anos, sem a necessidade de manusear o processo, da mesma forma que as primeiras Atas da Câmara Municipal (fundada em 1833), cujos documentos de papel se deterioram com o tempo,”, disse Fabiana.

A coordenadora de Acervos e Patrimônio Histórico do município acrescentou que quando a Prefeitura entregar seu novo portal (em processo de construção), a população poderá ter acesso, via computador ou outro equipamento com internet, a esses e outros documentos históricos de Araraquara.

 

Presente

A digitalização das 600 páginas do processo sobre o massacre dos Britos (Manoel, o tio, e Rozendo, o sobrinho), ocorrido em 1897 por questões políticas, foi realizada pela Safebox, empresa especializada em arquivamento e digitalização, que dou o serviço como presente de aniversário pelo bicentenário da cidade.

O processo de digitalização dos 17 livros que somam 2.277 páginas sobre as Atas da Câmara, do período de 1839 a 1936, foi providenciado pelo próprio Legislativo, com autorização do presidente atual, Jeferson Yashuda.

A Atas a partir da primeira Legislatura da Câmara sob o Estado Novo, de 1948 e até 2017, já estão digitalizadas e disponibilizadas no site da Câmara Municipal de Araraquara – entre o final de 1936 e o ano de 1938 houve duas tentativas de funcionamento, mas a Câmara ficou fechada por uma década até a reabertura.

 

Canal direto

Vale ressaltar que o programa ‘Canal Direto com a Prefeitura’ é apresentado ao vivo, de segunda a sexta-feira, às 12h30, na TV Web Participativa, via página do Facebook da Prefeitura de Araraquara, sempre com um representante direto do governo municipal.

Disponibilizado na mesma página, o Canal Direto pode ser revisto posteriormente pelos internautas. E a cada duas semanas, o entrevistado é o prefeito Edinho.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis