NOTÍCIAS

Voltar

OP define obras prioritárias pela população, diz Juliana

3 de julho de 2017


Uma das principais formas de governo da gestão Edinho, o Orçamento Participativo (OP) já registrou mais de seis mil votações e elegeu cerca de 300 delegados nos seis primeiros meses de 2017.

O balanço foi feito nessa segunda-feira (3) pela secretária municipal de Planejamento e Participação Popular, Juliana Agatte, em entrevista ao programa ‘Canal Direto da Prefeitura’, via Facebook, pela TV Web da administração municipal de Araraquara.

Segundo Juliana, já foram realizadas quase 50 reuniões relativas ao OP nesse período, incluindo a Temática das Cidades (no dia 28, quarta-feira-passada, no Clube 27 de Outubro), após um período de votação virtual em 17 propostas apresentadas no portal.

“Desse total, três temas foram os mais votados de forma virtual e, pela ordem, além da votação presencial de quarta-feira, e junto com os quase 1.200 internautas do OP foram eleitos saúde, educação e programa de combate à pobreza como prioridades”, destacou.

Ao ressaltar que o Orçamento Participativo é a “coluna do governo Edinho” e que a população participa diretamente das decisões, Juliana Agatte comentou a decisão pela reabertura do antigo Pronto-Socorro do Melhado (fechado pela administração anterior), aprovada na Plenária das Cidades.

“Por ser um processo que rompe com as formas tradicionais de administrar o município, é natural e democrático que surja alguma polêmica sobre as decisões”, disse a secretária.

 

Deliberação

Juliana reiterou que por se tratar de um mecanismo deliberativo, o OP define as obras prioritárias do governo para o próximo exercício através da votação popular manifestada durante as reuniões.

Outra forma de participação popular em Araraquara são as conferências municipais dos diversos setores da administração pública, segundo Juliana. Segundo a secretária, as Conferências são importantes para elaborar o Plano Municipal de médio e longo prazo para os próximos anos de governo.

Ela citou como exemplos a Conferências Municipal sob o tema ‘População em Situação de Rua’, ‘Assistência e Desenvolvimento Social’, ‘Economia Solidária e Criativa’ e da Saúde que serão realizadas entre julho e agosto.

Só para lembrar: o programa Canal Direto com a Prefeitura vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 12h30. A cada dia, um secretário, coordenador municipal, dirigente de Autarquia ou Fundação responde aos internautas por cerca de dez minutos. A cada quinze dias o entrevistado é o prefeito Edinho. A entrevista fica disponibilizada na íntegra no facebook.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis