NOTÍCIAS

Voltar

Prefeitura​, Câmara e parceiros​ abre​m​ a 1ª Semana da Alimentação Saudável

17 de outubro de 2017


Um evento no Paço Municipal, nesta segunda-feira (16), abriu oficialmente a 1ª Semana da Alimentação Saudável.

Aberta ao público em geral, a Semana apresenta palestras, mesas de debate, vivências e oficinas em diversos locais públicos, todas com entrada gratuita à população.

Durante o evento desta segunda, estudantes e professores de universidades de Araraquara realizaram orientação nutricional, testes de glicemia, medição de pressão arterial. ​​Agricultores ainda doaram parte de suas produções para a população.​ ​​Também houve atividade cultural, com a​apresentação de ​zumba.

O prefeito em exercício, Damiano Neto, agradeceu a todos os envolvidos na realização da Semana. “O objetivo é despertar nos adultos e nas crianças o interesse pela alimentação saudável e nutritiva”, disse.

O autor da lei que cria a Semana, Roger Mendes (PP), ressaltou que a data é “muito relevante” e agradeceu a parceria da Prefeitura, das universidades e dos agricultores. “É de criança que a gente ensina e aprende a comer bem.”

O coordenador de Segurança Alimentar, Marcelo Mazzeta Lucas, lembrou que o Brasil, recentemente, voltou ao “Mapa da Fome” e pediu reflexão. “O poder público tem o dever de defender, garantir e promover a alimentação saudável. Crianças, jovens, adultos, idosos: todos os ciclos vitais devem ter uma alimentação saudável”, declarou.

Silvani Silva, coordenadora de Agricultura, destacou que trata-se de um dia muito importante. “O que seria da alimentação se não fosse a agricultura? Esta data nos coloca uma reflexão. A alimentação tem um papel importante na segurança alimentar”, afirmou.

A pensionista Placidina do Rosário Guimarães, de 83 anos, moradora do Jardim Santa Júlia, foi uma das pessoas que passaram pelas tendas de atendimento médico e orientação nutricional. “Acho muito boa a iniciativa. Às vezes, a gente pensa que determinado alimento está fazendo bem, mas pode fazer mal. Se a gente for orientada, já ​para de consumir”, relatou.

A secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Eloísa Mortatti, e o vereador Gerson da Farmácia (PMDB) também participaram da abertura da Semana de Alimentação Saudável, além de outros coordenadores e gestores da Prefeitura.

 

​​Sobre a Semana

A 1ª Semana da Alimentação Saudável tem como tema “Mude o Futuro da Migração. Investir na Segurança Alimentar e no Desenvolvimento Rural”. As ações seguem até o dia 20 de outubro e atendem à Lei Municipal nº 9.024, de autoria do vereador Roger Mendes.

No encerramento da “Semana”, no dia 26, será realizada a 1ª Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Desenvolvimento Rural Sustentável, sob o tema “Da terra ao prato: comida de verdade”, na Etec “Anna de Oliveira Ferraz” (Escola Industrial), a partir das 8h.

 

A 1ª Semana da Alimentação Saudável tem apoio do Sesc, da Câmara Municipal e da Frente Parlamentar da Reforma Agrária, Agricultura Familiar e Segurança Alimentar da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, coordenada pela deputada estadual Márcia Lia (PT).

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis