NOTÍCIAS

Voltar

Prefeitura lança campanha de conscientização sobre vagas especiais no trânsito

23 de outubro de 2017


​A Prefeitura, por meio da Coordenadoria de Mobilidade Urbana, Assessoria Especial de Políticas para Pessoas com Deficiência e Secretaria de Comunicação, lanç​ou nesta segunda-feira (23)​ a campanha “Respeite”, que tem objetivo de conscientizar a população sobre os direitos que idosos e pessoas com deficiência possuem para estacionar veículos em vagas especiais.​ O evento foi realizado no Paço Municipal.​

A campanha integra uma série de ações midiáticas e educativas com o grupo “Anjos do Trânsito”, que aborda o tema artisticamente com uso de figurino, pernas de pau, faixas, adesivos e placas, interagindo com os motoristas em diversos pontos movimentados da cidade. Os anúncios também irão informar que pessoas com deficiência intelectual têm o mesmo direito.

O prefeito Edinho reforçou que a campanha chama a cidade a uma reflexão sobre o respeito aos idosos e às pessoas com deficiência. “É uma campanha simples, mas necessária, porque a sociedade não respeita”, afirmou durante o evento.

Como informado na campanha, o Código de Trânsito Brasileiro foi atualizado no final do ano passado e passou a considerar o uso de vagas especiais sem credencial como uma infração gravíssima, com multa de R$ 293,47, sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação e remoção do veículo.

“A pior doença é a hipocrisia. Muitas vezes, as pessoas falam em solidariedade humana, mas no dia a dia fazem o contrário. Falar é fácil, o difícil é construir. Que possamos construir uma cidade mais solidária, igualitária e que respeite as diferenças”, ressaltou Edinho.

Representando a Câmara, Juliana Damus (PP), autora da lei que criou as vagas especiais para idosos (em 2005), pediu para as pessoas se colocarem no lugar do outro. “A população sabe que existem as vagas, mas não respeita. Sabe que está atrapalhando o próximo”, disse.

“É ‘rapidinho’, né? Mas é preciso se colocar no lugar do outro, pensar que a pessoa com deficiência tem dificuldade de locomoção. Às vezes, chego no local e a vaga está ocupada”, afirmou a assessora de Políticas Públicas para a Pessoa com Deficiência, Elisa Santos.

Para o coordenador de Mobilidade Urbana, Nilson Carneiro, é importante “trabalhar para que nossos motoristas tenham consciência”. Ele lembrou que 12 mil cartões de idosos e 1,4 mil cartões para pessoas com deficiência já foram emitidos em Araraquara.

Ainda participaram da solenidade o vice-prefeito e secretário do Trabalho e do Desenvolvimento Econômico, Damiano Neto, os vereadores Roger Mendes (PP), Edson Hel (PPS), Paulo Landim (PT), Edio Lopes (PT) e Toninho do Mel (PT), os secretários Priscila Luiz (Comunicação), coronel João Alberto Nogueira Júnior (Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública) e Luciana Gonçalves (Desenvolvimento Urbano), além de integrantes do Conselho Municipal do Idoso​, da Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) e do grupo “Anjos do Trânsito”.

 

​​Direito

Os cartões que garantem o estacionamento de idosos e de pessoas com deficiência em vagas especiais são solicitados no prédio da antiga CTA, na Coordenadoria Executiva de Mobilidade Urbana, localizada na Avenida Bento de Abreu, nº 1172, na Fonte. O horário de atendimento é das 8h às 12h. Os telefones para contato são o (16) 3335-8136 e o (16) 3335-8025.

Para ter o cartão do idoso, é necessário ter 60 anos completos e levar comprovante de endereço e CPF. Já a pessoa com deficiência deve preencher requerimento, anexar atestado médico que comprove a deficiência, cópia do documento de identidade com foto, RG ou CNH e a cópia do comprovante de residência atual. O prazo para análise é de cerca de 30 dias.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis