NOTÍCIAS

Voltar

Prefeitura lança oficialmente e apresenta detalhes da Facira 2017

7 de junho de 2017


Grandes shows, 200 empresas expositoras, praça de alimentação e público potencial de 200 mil visitantes. Essa será a Facira 2017 (Feira Agrocomercial e Industrial de Araraquara), que foi apresentada a cerca de 300 empresários nesta quarta-feira (7), no Centro Internacional de Convenção.

 

A Facira, que será realizada entre 17 e 22 de agosto (na semana do aniversário de 200 anos de Araraquara), no Cear (Centro de Eventos de Araraquara e Região), será gratuita e irá mesclar a vocação do entretenimento com a feira de negócios, que deve atrair grandes empresas.

 

E tudo isso será aliado da colaboração com o próximo, já que parte dos recursos arrecadados com a locação de estandes às empresas será destinada ao Fundo Social de Solidariedade.

 

“A Facira faz parte da história de vida de uma parcela significativa da população. A cidade criava uma expectativa muito grande sobre a feira, que se tornou uma grande marca da nossa história”, afirmou Edinho no evento.

 

“Nenhuma feira do interior de São Paulo traz a marca da solidariedade. A nossa traz. A população de Araraquara, por meio da Facira, fomenta a solidariedade. Isso não é pouca coisa. As pessoas ficam felizes ao saber que o rateio do evento em que participam vão para as entidades sociais”, disse.

 

O presidente do Comitê Araraquara 200 Anos, Manoel de Araújo Sobrinho, afirmou que “não poderíamos deixar de trazer a Facira de volta”. Um dos grandes eventos realizados em Araraquara nas últimas décadas, a Facira começou em 1990 e foi realizada até 2011 pela Acia.

 

“A cidade não compreenderia qualquer outra festa se não tivesse a marca da Facira”, disse, agradecendo à Acia (Associação Comercial e Industrial de Araraquara) pela cessão da marca.

 

Manoel antecipou alguns eventos que irão abrilhantar a Facira. No dia 19 de agosto (um sábado), às 18h, haverá apresentação do maestro João Carlos Martins e as Bachianas.

 

Nos seis dias, serão realizados grandes shows na Arena da Fonte Luminosa, sendo cinco deles gratuitos (por meio de repasse do Ministério do Turismo) e apenas um deles, com Leonardo e Eduardo Costa, será privado e terá cobrança de ingressos. A programação de shows ainda será divulgada.

 

Paralelamente ao calendário cultural, o pavilhão principal irá abrigar os estandes com exposições de 200 empresas — essa comercialização é administrada pela Gens Eventos Corporativos e pela Agência de Licenciamento, que são as responsáveis pela feira de negócios. Também será implantada uma praça de alimentação com ambulantes e food trucks.

 

“É neste momento de crise que precisamos arregaçar as mangas. Quem não é visto, não é lembrado. É o momento de vocês estarem com a gente. Vocês terão um dos melhores momentos deste ano para apresentarem suas marcas junto com a gente”, afirmou Manoel aos empresários.

 

Rafael Soriano, da Gens, e Paulo Roberto Orlandini, da Agência de Licenciamento, também apresentaram os projetos e o desenho de como serão distribuídas as atrações, além do logo oficial, do site oficial (http://www.facira2017.com.br) e dos perfis das redes sociais.

 

Momento histórico

 

O vice-prefeito e secretário do Trabalho e do Desenvolvimento Econômico, Damiano Neto, agradeceu ao apoio de todos do Comitê Araraquara 200 Anos e aos empresários. “A feira só se concretiza com o apoio de vocês”, lembrou.

 

O presidente da Acia, José Janone Júnior, afirmou que “Araraquara vive um momento histórico em seus 200 anos de fundação”. “A marca Facira é de propriedade da Acia, mas também é uma marca da cidade. Neste ano, teremos participação discreta, apoiando, mas a festa é de toda a população.”

 

Presidente do Fundo Social de Solidariedade, Cidinha Silva agradeceu a Edinho pelo empenho na volta da feira. “O evento é de suma importância para a cidade e para o Fundo Social. Araraquara tem se mostrado uma cidade cada vez mais solidária”, ressaltou.

 

Para Edio Lopes (PT), que representou a Câmara, todos os setores da cidade têm a ganhar com a Facira. “Araraquara precisa disso. É forte no comércio, na alimentação, na hotelaria.”

 

Também participaram do evento o presidente do Sincomércio (Sindicato do Comércio Varejista de Araraquara), Antonio Deliza Neto; o vice-presidente do SinHoRes (Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Araraquara), Fernando Pachiarotti, os vereadores Paulo Landim (PT), Toninho do Mel (PT), Juliana Damus (PP), Roger Mendes (PP), Magal Verri (PMDB), Edson Hel (PPS) e Rafael de Angeli (PSDB), além de diversos secretários e coordenadores da Prefeitura e representantes de entidades sociais.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis