NOTÍCIAS

Voltar

Programa “Frentes da Cidadania” vai ajudar quem mais precisa, diz Edinho

15 de setembro de 2017


“Não tem nada mais triste em uma família do que um adulto chegar em casa e ficar pensando no que colocar na mesa para o filho comer”, disse o prefeito Edinho no lançamento do programa “Frentes da Cidadania”, no Clube 27 de Outubro, na noite de quinta-feira (14).

O programa irá oferecer apoio para a volta ao mercado profissional, com bolsa-auxílio para participação em cursos, treinamentos e práticas profissionais em áreas diversas. As inscrições começam no próximo dia 25 (veja mais abaixo).

“Esse programa vai socorrer quem mais precisa. A gente não pode só julgar as pessoas. A gente tem que estender a mão”, afirmou Edinho.

“Vou fazer um esforço imenso para atender o maior número de pessoas possível. Eu fico muito feliz quando lanço um programa que muda a vida da população, que vai deixar a cidade mais humana, mais justa. A gente não pode se acomodar, achar que está bom, se tem alguém sofrendo”, concluiu o prefeito.

A secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Eloísa Mortatti, ressaltou o caráter social do programa e lembrou que o período de inscrição terá um mês. “As portas de todas as nossas unidades estarão abertas. Ajudem a divulgar e colaborar com mais pessoas”, disse.

O vereador Edio Lopes (PT), representando a Câmara, destacou que “tem que ter vontade e coragem para fazer um programa desses”. “A maioria das pessoas que estão aqui é negra e não teve oportunidade de estudar e se qualificar. Façam as inscrições e acreditem que terão um amanhã melhor.”

Para a deputada estadual Márcia Lia (PT), políticas públicas para enfrentarmos o momento de crise econômica são muito necessárias. “Que vocês possam usar essa oportunidade para trabalharem e se capacitarem para melhorar a qualidade de vida”, afirmou.

Albeninha Felipe Moreira, ex-funcionária das Frentes da Cidadania, também usou a palavra e contou sua experiência. “Foi um dos meus primeiros empregos e me ajudou muito. Estudei e hoje sou técnica em enfermagem. Com o ‘Frentes da Cidadania’, consegui pagar o meu curso. Obrigado a todos que organizam esse projeto”, relatou.

O evento ainda contou com os vereadores Thainara Faria (PT), Toninho do Mel (PT), Paulo Landim (PT) e Lucas Grecco (PSB), além de diversos secretários municipais.

 

Sobre o programa

Os selecionados no “Frentes da Cidadania” assinarão com a Prefeitura um termo de adesão pelo prazo de um ano e serão beneficiados com bolsa-auxílio para participação em cursos, treinamentos e práticas profissionais em áreas diversas.

O objetivo é oferecer apoio para a volta ao mercado profissional. Além disso, os participantes e suas famílias serão inseridos em projetos sociais nas áreas de educação, cultura, esportes, saúde e assistência social.​​

O edital completo do “Frentes da Cidadania” será publicado no site da Prefeitura (araraquara.sp.gov.br) na próxima segunda-feira (18).

As inscrições vão do dia 25 deste mês até 27 de outubro nas unidades do Cras (Centro de Referência da Assistência Social), no Espaço Kaparaó, no Centro da Juventude, no Centro Pop, na Casa Transitória, nas Subprefeituras de Bueno de Andrada e da Vila Xavier ou, ainda, no site da Prefeitura.

Podem se inscrever adolescentes que estejam ou tenham cumprido medida socioeducativa ou pessoas em situação de vulnerabilidade social, como, por exemplo, moradores em situação de rua, dependentes químicos em recuperação, mulheres vítimas de violência, mulheres que sustentam uma família, reeducandos que tenham cumprido pena, desempregados cujas famílias estejam em situação de vulnerabilidade e que moram em Araraquara há pelo menos dois anos.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis