NOTÍCIAS

Voltar

Projetos culturais integrarão programação do Dia do Trabalhador

26 de abril de 2017


A Secretaria Municipal da Cultura e Fundart divulgaram os projetos selecionados para as atividades comemorativas do Dia do Trabalhador, 1º de Maio. Os projetos farão parte da programação que será realizada na Praça Scalamandré Sobrinho, na próxima segunda-feira (01 de maio), a partir das 13 horas.

Entre 10 projetos inscritos, foram selecionados seis deles por meio de edital: espetáculo circense “CabarElas em greve!”, show de rock com a banda Controvérsia, intervenção urbana  “Ella A Libertária – a luta das operárias”, Batalha de MCs, intervenção artística “Panarício Previdência” e exposição fotográfica “Reciclando em Reciprocidade”.

“Ficamos bastante satisfeitos com o nível das propostas que chegaram. Teremos belas apresentações alinhadas ao momento que o país vive. Arte associada à reflexão e consciência crítica, o público vai se surpreender”, aponta Gabriela Palombo, presidente da Fundart.

Cada grupo selecionado receberá o valor de R$ 1000,00 pela apresentação. A programação completa da Festa do Dia do Trabalhador, com os horários de todas as atividades, pode ser acompanhada no site da Prefeitura de Araraquara. Vale destacar que todas as atividades são gratuitas.

 

Confira os projetos selecionados:

“CabarElas em greve!” (espetáculo circense): por meio da linguagem do circo e do teatro de rua, “CabarElas em greve!” chega com um grupo de Ribeirão Preto formado por seis artistas mulheres. A bordo de uma Kombi, elas circulam levando arte, ao mesmo tempo em que reivindicam contra as novas medidas de terceirização e retrocessos na CLT impostas pelo atual governo.

Banda Controvérsia (show de rock): a banda preparou para este show um repertório pesado do rock’n roll, abordando as condições de trabalho do brasileiro comum, bem como cidadãos de todo o mundo! Controvérsia é formada pelos músicos Leandro Pedroso, Luis Camarão, Jorge Moura e Daniel Cestari.

“Ella A Libertária – a luta das operárias” (intervenção urbana): A performance realizada pela bailarina Geórgia Palomino, em torno da personagem “Ella – A Comportada”, circulará entre o público da Festa do Trabalhador e fará uso de várias linguagens artísticas, como: dança, teatro, artes visuais e arte de rua.

Batalha de MCs: o Rapper Willian Chacal e convidados mandam o recado sobre a posição dos trabalhadores contra as reformas trabalhistas e da previdência, por meio do improviso de suas rimas.

“Panarício Previdência” (intervenção artística): Espetáculo reflexivo tendo no início a leitura de textos que retratam os 100 anos de greve geral no Brasil, com fundo musical ao vivo seguido de coreografia de dança contemporânea, com elementos cênicos, representando alguns dos trabalhadores mais afetados com as reformas da previdência e trabalhista. Realizado pelo Grupo Raízes, composto pelo músico Luys Rosário e pela bailarina Liliana Jóia.

“Reciclando em Reciprocidade” (exposição fotográfica): Exposição fotográfica “Reciclando em Reciprocidade” é composta por dez fotografias coloridas, no tamanho A3, emolduradas – todas criadas pelos olhares de um dos grupos de catadoras de matérias recicláveis da cooperativa Acácia.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis