NOTÍCIAS

Voltar

Saúde supera desafios e projeta novas melhorias para 2018

21 de dezembro de 2017


Apesar da crise financeira da Prefeitura, a Secretaria Municipal de Saúde realizou uma série de ações em 2017 visando melhorar o atendimento e a oferta de serviços à população de Araraquara, usuária do SUS.

 

Em entrevista ao programa ‘Canal Direto com a Prefeitura’, nessa quinta-feira (21), pela TV Web Participativa, na página oficial do Facebook do Executivo araraquarense, a titular da pasta da Saúde, Eliana Honain, fez um balanço positivo das realizações. “Um dos grandes desafios que enfrentamos desde o início de janeiro, e que conseguimos superar, foi a colocação de médicos 24 horas nas UPAS. E fomos além, colocando médico pediatra três vezes por semana na UPA do Valle Verde”, afirmou.

Outro grande desafio, segundo Eliana, era a reposição dos estoques de medicamentos nas farmácias e em toda a rede municipal. “Faltavam quase 50% dos medicamentos e com o esforço da administração Edinho conseguimos, com recursos próprios, essa reposição e fazer com que hoje não falte mais, inclusive nas UPAS”, ressaltou.

“Também ampliamos o horário de atendimento da Farmácia de Neurologia e Psiquiatria, que funciona na Rua Gonçalves Dias, quase esquina da Avenida Espanha (no anexo do prédio do Cerest, centro da cidade), das 8h às 17h30. E reabrimos a Farmácia no Jardim das Hortênsias”.

 

Mais leitos e mutirões

Outras ações importantes na Saúde em 2017, segundo Eliana, foi o aumento da oferta em mais 18 leitos hospitalares/SUS na Santa Casa, visando diminuir o tempo na fila de espera por internações. “Também neste ano a Maternidade Gota de Leite aumentou a oferta de procedimentos, como a realização de cirurgias eletivas em mulheres e crianças, antes feitas na Santa Casa”, enfatizou.

Eliana ainda ressaltou o programa ‘Saúde Cidadã’ e a parceria de outubro com a Universidade de Santo Amaro para realizar cirurgias eletivas e exames. “Os mutirões permitiram a realização de mais de mil ultrassons e mais de 60 cirurgias eletivas, diminuindo a fila de anos de espera de muitas pessoas da cidade e da região”.

 

Metas

 Eliana Honain reiterou que para 2018 a Secretaria Municipal de Saúde fechou uma parceria com a Santa Casa de São Paulo para a realização de uma série de novas cirurgias eletivas e exames médicos na cidade.

Também no início de 2018, através do programa ‘Saúde em Casa’, os medicamentos serão entregues em domicilio, visando melhorar ainda mais o atendimento à população. Outra meta é ampliar novamente o número de leitos na Santa Casa e reabrir o Pronto Socorro do Melhado (fechado pelo governo anterior), cujo prédio abriga 21 leitos hospitalares, entre outras salas de atendimentos emergenciais.

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis