NOTÍCIAS

Voltar

Sexta-feira (26) tem contação de histórias para o reconhecimento e valorização do povo negro

24 de maio de 2017


As crianças também têm espaço na programação do mês de maio “Da abolição ao reconhecimento”, com a contação de histórias “As Tranças de Bintou”, com a Cia. 4i Artes. A atividade será realizada nesta sexta-feira (26), às 19h30, no Centro de Referência Afro “Mestre Jorge” com entrada gratuita.

 

A contação dá início ao projeto “Histórias Contadas”, realizado pela Coordenadoria Executiva de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (CEPPIR) e pelo Centro de Referência, por meio da Secretaria de Planejamento e Participação Popular. A ideia é, mensalmente, realizar uma contação de histórias com grupos cênicos locais, a fim de contribuir para o reconhecimento e valorização da História e Cultura do povo negro.

 

A contação é uma adaptação do livro infanto-juvenil “As Tranças de Bintou” (Cosac Naify, 2004), de Sylviane A. Diouf. A atividade apresenta a história de Bintou, uma menina africana que sonha ter tranças longas e enfeitadas com pedras coloridas e conchinhas, como as de sua irmã mais velha e de outras mulheres de seu convívio.

 

Porém, como ainda é criança, tem de se contentar com os seus birotes. “As Tranças de Bintou” traz uma delicada história sobre a angústia do rito de passagem e o aprendizado do crescimento, com personagens capazes de trazer uma visão da cultura africana, permitindo, assim, repensar também a cultura brasileira.

 

A história é contada a partir de um contexto cultural específico, um momento universal – a passagem da infância para a adolescência.

 

Vale lembrar que a Cia 4i Artes – “Inovar, Imaginar, Incentivar e Idealizar” é um núcleo de formação em teatro musical de Araraquara. O grupo, sob a direção de Mattheus Carvalho e coordenação de Monique Camargo, conta com roteiros de Juliana Marcondes e coreografias de Caio Almeida e Dilly Penteado.

 

Durante todo o mês de maio, a programação “Da abolição ao reconhecimento” vem discutindo e propondo diferentes disposições para o enfrentamento ao racismo. A programação completa está disponível no site da Prefeitura de Araraquara.

 

SERVIÇO:

 

Projeto “Histórias Contadas” apresenta “As Tranças de Bintou”, com a Cia. 4i Artes (Programação “Da abolição ao reconhecimento”)

Local: Centro de Referência Afro Mestre Jorge (Avenida Feijó, 223 – Centro)

Data: sexta-feira (26 de maio)

Horário: 19h30

 

Voltar

Acesso Rápido

Siga-nos no Facebook

Links Úteis