Você está aqui: Página Inicial / Notícias / 2021 / AGOSTO / 20 / Banda Chiquinha Gonzaga marca presença digital nos 204 anos de Araraquara

Cultura

Banda Chiquinha Gonzaga marca presença digital nos 204 anos de Araraquara

Integrantes da banda do Hortênsias fazem apresentação no canal da Prefeitura de Araraquara no YouTube
Banda_Chiquinha.jpg

 

 

A Banda Marcial Chiquinha Gonzaga, da EMEF Henrique Scabello (Jd. Hortênsias) sempre foi destaque e aguardada nos desfiles de aniversário da cidade e, este ano, será destaque no YouTube da Prefeitura de Araraquara com um vídeo com em homenagem aos 204 anos de Araraquara.

 

Com regência de Luizinho Silva e coordenação de Silvia Regina Martins desde 2014, a Banda Marcial Chiquinha Gonzaga é composta por alunos e ex-alunos da EMEF do Hortênsias. A novidade é que, a partir deste semestre, a banda passa a fazer parte do projeto Oficinas Culturais Municipais oferecido pela Secretaria Municipal da Cultura e Fundart, abrindo oportunidade de ingresso a novos integrantes oriundos da comunidade do Hortênsias (ou outros bairros) e que poderão possuir idade variada.

 

O vídeo em homenagem ao aniversário da cidade será exibido no canal da Prefeitura de Araraquara no YouTube logo após a apresentação do “Desfile Cívico Online Araraquara, 204 anos” - este terá início às 8 horas com o tema “Tempos de Esperançar: Viva o centenário de Paulo Freire, patrono da educação brasileira”.

 

Vídeo - A apresentação da banda Chiquinha Gonzaga conta com alunos veteranos da banda. “São alunos que já participam da banda, que possuem experiências em apresentações, além de desenvoltura”, explica Silvinha. Ela conta que durante a pandemia as aulas foram realizadas de maneira remota e, agora, aos poucos, estão voltando os encontros presenciais, mantendo o distanciamento social.

 

“We Will Rock You”, sucesso da banda Queen, é a música escolhida para o vídeo em homenagem ao aniversário de Araraquara. O trabalho começa com uma retrospectiva de imagens, composta por ensaios e apresentações da banda, para alcançar a música escolhida que chega com arranjo de percussão e sopro (com trompete, trombone, sax e trompa).

 

Silvinha conta que a apresentação foi gravada recentemente, com a retomada dos encontros presenciais. “Parte das imagens foram captadas na EMEF, enquanto os instrumentos de sopro foram gravados individualmente no estúdio Music Up”, explica.

 

Participam do vídeo: 13 alunos em percussão, 8 em sopro e 5 em bandeiras e estandartes. A banda conta ainda com aproximadamente 15 alunos iniciantes.

 

Hortênsias - Vale destacar que a coordenadora Silvinha e o regente Luizinho são moradores do Hortênsias: ela era agente na escola do bairro, enquanto ele era aluno. Ambos cresceram com o projeto da banda e empenham, desde 2014, muita dedicação ao ensino musical das crianças.

 

A coordenadora lembra que o trabalho realizado por meio da Banda Chiquinha Gonzaga é um instrumento de educação, socialização e inserção na sociedade e que privilegia o fazer artístico acima de tudo. “É um projeto que oferece oportunidades e vivências e traz um significado muito forte, que é quebrar o preconceito sobre nosso bairro. “É um bairro cheio de talentos e levamos oportunidades para as crianças desenvolverem o talento musical”.

 

Também o “lado humano e social” é apontado por Silvinha. “As crianças e adolescentes da banda se desenvolvem muito com o ensino musical e grandes amizades, firmes e consistentes, são formadas e levadas para a vida toda. Este é um projeto que resulta em grande impacto na vida dos participantes e redireciona o caminho deles e delas. Acredito que nesses sete anos à frente do projeto, temos colhidos bons frutos”, defende a coordenadora.

 

Ficha técnica - Banda Marcial Chiquinha Gonzaga

Bumbos:  Felipe Jacó Marcos Paulo e Ruan

Repiques:  Giovanna, Maykon e Sarah

Pratos: Michael, Marivaldo e Ketlin

Caixas: Isabelle, Igor, Rafael, Kauane e Denis

 

SOPROS:

Trompete: Josemir

Trombone de vara: Ana Clara e Wellington

Trombone de pisto: Nathan e Miqueias

Trompa: Felipe

Sax: Pedro

 

Comissão de frente:

Porta estandarte: Maely e Kethlyn

Porta Bandeiras: keren, Giovanna e Sarah

 

Imagens e Sonoplastia: Guilherme Bridarolli e Hamilton Bridarolli

Arranjos, regência, edição de vídeo e masterização de áudio: Luizinho Silva

Agradecimentos especiais: a diretora da EMEF, Sandra D' Santi, e Secretaria Municipal de Educação

registrado em: ,